Sandra abre o jogo: ‘Negar RC na presidência do PSB é maior ato de ingratidão da história’

Sandra abre o jogo: ‘Negar RC na presidência do PSB é maior ato de ingratidão da história’

A vereadora de João Pessoa, Sandra Marrocos (PSB), soltou o verbo nesta sexta-feira (16), sobre a polêmica envolvendo a presidência do diretório estadual do partido na Paraíba. Em contato com o Paraíba.com.br, a parlamentar confidenciou estar torcendo para que o ex-governador Ricardo Coutinho assuma logo o comando da legenda no estado. Segundo ela, se isto não vier a acontecer, será a maior ingratidão da história política da Paraíba.

Questionada a quem o recado estaria sendo dado, a vereadora foi incisiva. “Ainda estou sem acreditar. Se o governador fizer realmente isso (não possibilitar a ida de Ricardo para a presidência estadual do partido), será o maior ato de ingratidão da história política da Paraíba. Ricardo abriu mão de um mandato de senador para elegê-lo governador”, afirmou.

Apesar da ‘torcida’ por Ricardo, Sandra disse respeitar a história de Edvaldo Rosas no PSB, mas também lembrou que o partido precisa de uma oxigenação.

Já o vereador Thibério Limeira (PSB) defendeu o diálogo como meio eficaz para solucionar esse impasse e não prejudicar o andamento do governo João Azevêdo. O parlamentar disse não ter visto nenhuma declaração do ex-governador Ricardo Coutinho sobre ocupar a presidência do PSB, mas ressaltou que se existir essa vontade do socialista o diálogo deve prevalecer. “Acho que precisamos nos desarmar e, em paz, dirimir as divergências, e construir a unidade partidária, defendeu.

A reportagem do Paraíba.com.br tentou manter contato com outros dois vereadores da legenda em João Pessoa, Tanilson Soares e Léo Bezerra, mas não teve as ligações atendidas até o fechamento desta matéria.


Alexandre Freire