Investigado, deputado federal paraibano tem cota parlamentar bloqueada

Investigado, deputado federal paraibano tem cota parlamentar bloqueada

O deputado federal Wilson Santiago (PTB) teve seus gastos da Cota Parlamentar bloqueados pela Câmara na tarde desta terça-feira (14). Wilson está afastado pelo Supremo Tribunal Federal desde dezembro por conta de buscas realizadas pela Polícia Federal em sua residência.

Santiago foi denunciado pela Procuradoria Geral da República (PGR) por ter recebido mais de R$ 1,2 milhão em propina de uma empreiteira, contratada para realizar obra de adutora Capivara, no Serão paraibana. O ministro Celson de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), afastou o parlamentar do cargo.

“A Câmara prontamente cumpriu a decisão e registrou o afastamento do deputado, bem como determinou que nenhuma despesa do parlamentar fosse paga mediante utilização de recursos da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar”, afirmou a Casa logo após ter sido notificada da determinação ministro Celso de Mello, que suspendeu o mandato do petebista.

 

 

Paraiba.com.br