Anísio rebate Jackson e diz desconhecer preferência do PT por Ricardo

Anísio rebate Jackson e diz desconhecer preferência do PT por Ricardo

O deputado em exercício, Anísio Maia, divulgou uma nota nesta terça-feira (22), contestando afirmações do presidente do partido, Jackson Macedo, a respeito de uma suposta preferência do PT para o pleito de 2020. O partido se reuniu na Fetag, no sábado (19) para definir uma tese com diretrizes para a legenda. (A tese e a nota estão disponíveis no fim da matéria)

Anísio alegou que não são verdadeiras as informações de que o partido já teria escolhido uma candidatura para as eleições municipais em João Pessoa e que não foi apreciado nenhum nome em particular. Enquanto que em entrevista ao Sistema Arapuan, nesta segunda-feira (21), Macedo citou, uma preferência pela pré-candidatura do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

“Nós temos preferência de apoio a candidatura de Ricardo Coutinho. Logicamente, nós entendemos que é o melhor nome para aglutinar esse campo democrático”, afirmou Macedo. Sobre a crise no PSB, ele ressaltou que o PT pode ajudar, nessa situação, dialogando com o ex-governador e com o governador João Azevêdo. “Tentar convencer, ambas as partes, que o racha no PSB só favorece os nossos adversários”.

Na nota, Anísio afirmou que no texto aprovado não consta nenhuma resolução sobre candidatura, tampouco foi apreciado nenhum nome em particular e, ainda, que foi decidido apenas reforçar a unidade com os partidos de esquerda e Progressistas como PSB, PCdoB, PDT, PSol e Unidade Popular.

Em contato com o Portal Paraíba.com.br, o parlamentar afirmou que se o presidente disse ele tem que explicar, pois em nenhum momento se falou em nomes, ou em como o PT poderia ficar, se na cabeça ou não. Tratamos de partido e só. Vamos ter uma conferência eleitoral convocada pela nova direção que vai tratar disso.

“A tese [divulgada pelo partido] é oficial. Talvez o presidente tenha dado a opinião dele, pessoal, e ele pode explicar”, disse.

Ainda na nota, Anísio alega que quanto a estas diretrizes, não ocorreu qualquer divergência entre os delegados e a forma como serão escolhidos os nomes que encabeçarão as chapas, ficou para deliberações posteriores.

A nova direção eleita deverá convocar uma conferência eleitoral para orientar todos os diretórios sobre candidaturas municipais.

Ao Portal Paraíba.com.br o presidente da legenda disse que não iria comentar a nota de Anísio.

Confira a tese Final do 7° Congresso do PT na Paraíba

Veja a nota na íntegra

Diante de algumas notícias veiculadas, divulgando que o PT já teria escolhido uma candidatura para as eleições municipais de nossa capital, se faz necessário alguns esclarecimentos sobre as decisões encaminhadas no encontro, ocorrido na FETAG, no último sábado (19).

I – No texto aprovado não consta nenhuma resolução sobre qualquer candidatura.

II – Também não foi apreciado nenhum nome em particular.

III – Na resolução, decidimos apenas que iremos reforçar a unidade com os partidos de esquerda e progressistas como PSB, PCdoB, PDT, PSOL e UNIDADE POPULAR para, juntos, montarmos chapas representando este campo.

Quanto a estas diretrizes, não ocorreu qualquer divergência entre os delegados. A forma como escolheremos os nomes que encabeçarão as chapas, ficou para deliberações posteriores.

A nova direção eleita deverá convocar uma conferência eleitoral para orientar todos os diretórios sobre candidaturas municipais.

Qualquer dúvida sobre estas orientações podem ser esclarecidas através da leitura do documento oficial do Encontro que será divulgado pelo nosso Presidente, Jacson Macêdo.

 

 

Paraíba.com.br