Vereadores são escoltados pela PM após aprovarem taxa na PB

Vereadores são escoltados pela PM após aprovarem taxa na PB

Após um intenso bate-boca e muita polêmica entre os vereadores, a Câmara Municipal de Sousa, no Sertão paraibano, aprovou por 7 votos a 5, durante sessão extraordinária, na noite dessa quarta-feira (23), a cobrança para uma taxa de iluminação pública na cidade.

O plenário da Casa ficou lotado por populares, que protestaram contra a aprovação da matéria.

O clima ficou ainda mais tenso no momento da saída dos vereadores, que precisaram ser escoltados pela polícia para evitar agressões dos manifestantes.

Informações dão conta que os vereadores Cacá Gadelha (PSD) e Renato Soares (PDT) foram atingidos por latas de cerveja, jogadas pela multidão que se aglomerava na saída do prédio. O carro de Renato Soares foi danificado.

Outros vereadores também foram agredidos com palavras de baixo calão e tiveram que sair na viatura policial para evitar um confronto físico.

 

 

 

MaisPB