Vereadora é acusada de comprar whisky com verba da Educação quando era diretora de escola na PB

Vereadora é acusada de comprar whisky com verba da Educação quando era diretora de escola na PB

O vereador Júnior Guarita denunciou a colega de câmara municipal de Monte Horebe, no Sertão da Paraíba, Mércia Dias, de utilizar da verba da Educação para  comprar whisky e energético, quando era diretora da Escola Estadual Luiz Alberto de Paiva em São José de Piranhas.


Na denúncia, o vereador apresentou um bilhete escrito de próprio punho pela vereadora para o mercadinho da cidade pedindo um whisky White Horse, dois red bulls e um queijo ricota. A justificativa do pedido era que a parlamentar, então diretora, estaria recebendo dois deputados em sua casa e concluiu com ‘como já aconteceu o processo, amanhã faço o cheque’.


De acordo com o vereador, esse processo  seria a licitação para as compras escolares. Mercia foi exonerada da escola no dia 16 de agosto, mesma data em que saiu um cargo em comissão na Secretaria de Educação da cidade.


A vereadora ainda não se manifestou a respeito da denúncia.

 
 


Redação