Vereador é morto com 12 tiros em churrascaria

Vereador é morto com 12 tiros em churrascaria

Alexandrino Suassuna Barreto Filho (PMDB), também conhecido como Xanxan, de 47 anos, foi assassinado a tiros na noite deste domingo (20). Ele foi atingido por 12 disparos ao chegar a uma churrascaria da cidade. Patu fica na região Oeste potiguar, a 315 quilômetros de Natal.

De acordo com o delegado Sandro Regis, os criminosos são dois homens que se aproximaram em uma motocicleta no momento que que o vereador desceu do carro dele para entrar na churrascaria. Após os disparos, a dupla fugiu. Policiais militares fizeram buscas pela região, mas não encontraram nenhum suspeito.

Ainda segundo a polícia, Xanxan já tinha sido vítima de tentativas de homicídio. Em junho do ano passado, inclusive, ele teve um irmão assassinado. Paulo Henrique Suassuna Barreto, o Fufuca, 44 anos, estava sentado na calçada de casa quando foi baleado. Três meses depois o próprio vereador foi preso por porte ilegal de arma de fogo.

O assassinato do vereador será investigado pelo delegado Luciano Augusto, da DP de Patu.

 

 

 

 

G1