Vereador de Itaporanga denuncia barramentos no Rio Piancó

Vereador de Itaporanga denuncia barramentos no Rio Piancó

Na última sessão da Câmara de Itaporanga, realizada na quinta-feira, 18, o vereador Hélio do Bar denunciou a existência de barramentos no rio Piancó, o que, segundo ele, está impedindo que a água chegue a Itaporanga e siga seu curso normal até Coremas.

Conforme o parlamentar mirim, o volume liberado dos açudes, especialmente do de Bruscas, em Curral Velho, é suficiente para garantir água no rio ao longo de todo o seu curso a partir de Boa Ventura, mas a água é retida no trecho que corta algumas propriedades rurais, o que é um crime. “A água tem que servir a todos e não apenas a alguns poucos”, disse o vereador, ao pedir consciência aos proprietários que estão impedindo a passagem de água e prejudicando muita gente: “com o rio seco, dezenas de comunidades ribeirinhas de Itaporanga e outros municípios que dependem da água fluvial para o consumo animal e abastecimento humano estão em situação difícil, e quem está fazendo isso tem que ter consciência e evitar isso”.

Ainda de acordo com o parlamentar mim, a Aesa (Agência Executiva de Gestão de Água da Paraíba) está fazendo sua parte ao abrir as comportas dos açudes com uma vasão suficiente para perenizar o rio durante este período de estiagem, e é preciso que os barramentos sejam destruídos para que a água chegue a todos.

 

 

Folha do Vale