Uruguai passará a vender maconha legal a partir de 2016

Uruguai passará a vender maconha legal a partir de 2016

 

Duas empresas terão licença para o cultivo e distribuição da maconha legalizada no Uruguai, depois que 22 entraram na disputa. O governo fixou um prazo de até oito meses para que a droga comece a ser vendida nas farmácias.

O anúncio vem quase dois anos depois da lei que regula o mercado da maconha sob o controle do Estado ser aprovada, ainda no mandato de José Mujica, que pretende, entre outras coisas, acabar com o narcotráfico no país.

A lei regulamenta que apenas cidadãos uruguaios registrados têm direito acomprar maconha, e no máximo 40 gramas por mês – o grama custará U$1, preço que compete com o tráfico. Atualmente existem 3 mil usuários regularizados no país, de acordo com o G1.

Na quinta-feira (1), o Estado do Oregon, nos Estados Unidos, autorizou a venda da maconha com fins recreativos, se tornando o terceiro no país.

 

 

 

180 Graus