Unidade Demonstrativa de inseminação artificial melhora rebanho de assentamentos paraibanos

Unidade Demonstrativa de inseminação artificial melhora rebanho de assentamentos paraibanos

Agricultores de seis assentamentos da reforma agrária no Sertão da Paraíba ganharam umaUnidade Demonstrativa de inseminação artificial (UD) em Bovinos, que já está em pleno funcionamento desde o mês passado. A UD iniciou as atividades com 100 doses de sêmen das raças Gir (Raça de gado bovino leiteiro originária do norte da Índia) e Holandesa, além deinsumos, material para inseminação e botijão para armazenar o material genético.

A unidade beneficia diretamente 250 famílias dos assentamentos Nova Santana, Cachoeira, Maria da Paz, Osiel Alves, Tiradentes I e Nova Espinharas no município de São José de Espinharas, a 327 quilômetros da capital João Pessoa. “Essas famílias agora poderão melhorar a qualidade de seus animais, o que possibilitará aumento na produção de leite e reforço na renda familiar”, disse o superintendente regional do Incra/PB, Cleofas Caju.

Inseminação artificial

A inseminação artificial é a técnica em que o sêmen do touro é introduzido, pelo homem, no útero da vaca ou novilha no cio. 

Para o assentado Tobias Solto, do assentamento Tiradentes I, a unidade era o que estava faltando para enriquecer o rebanho bovino dos assentados. “Vamos utilizar a inseminação tanto para o gado leiteiro quanto o gado de corte”, afirmou Tobias.

Marcelo Medeiros, assentado de Nova Santana, disse que a UD foi um grande presente que será bem aproveitada. “Recebemos esta unidade de ‘mão beijada’ e nós assentados temos que agradecer e zelar por ela”, disse Marcelo.

José Carlos, assentado de Osiel Alves, que já participou de curso sobre inseminação artificial em bovinos destacou a importância da UD. “Nós não temos condição de manter um touro reprodutor, porque custa caro e a unidade veio para nos dar esse reforço”, frisou o criador.


Segundo o veterinário da Cooptera, Adriano Gomes, os assentados querem fazer o melhoramento genético do seu rebanho, por se tratar de uma região de grande potencial na produção de leite.

Investimento

A UD representa um investimento com recursos do governo federal no valor de R$ 10 mil. Foi implantada através da Cooperativa de Prestação de Serviços Técnicos de Reforma Agrária da Paraíba (Cooptera), contratada pelo Incra/PB para prestar assistência técnica aos assentamentos.

 

 

 

 

Assessoria