Trocolli condiciona participação no governo à importância dada ao PMDB

Trocolli condiciona participação no governo à importância dada ao PMDB

O deputado estadual Trócolli Júnior (PMDB), comentou em entrevista ao Sistema Arapuan de Comunicação nesta quarta (4), que o partido ainda não teve nenhum espaço relevante no governo do Estado para ter ‘o respeito que ele merece’ e afirmou que pode até ocupar a pasta de Esportes, caso seja ‘a vontade do partido’.

A entrevista completa você confere no programa Rádio Verdade da Arapuan FM, às 12h e no programa Rede Verdade da TV Arapuan às 13h20.

Trocolli afirmou que foi eleito para estar deputado estadual e não para ser, lembrando que é advogado e cidadão. Ele destacou ainda que o PMDB tem outros três deputados, Raniery Paulino, Nabor Wanderley e Gervásio Maia que podem ocupar pastas no governo de Ricardo Coutinho (PSB).


“Vamos nos reunir amanhã, tudo indica, para decidir que passos tomar enquanto PMDB na Assembleia Legislativa. Decisão que vamos tomar com muita maturidade e sem pressa, mas partidária”, diz.


A reunião não ocorreu hoje devido a posse do ex-senador Vital do Rego Filho (PMDB) como ministro no Tribunal de Contas da União e a maioria dos parlamentares viajaram para prestigiar a solenidade.


Quanto aos cargos no governo, Trocolli não descartou, afirmando que vai depender do partido e do governador. “Não sou oferecido, tem outros grandes nomes no PMDB que podem ocupar cargos, mas quem me conhece sabe que sou trabalhador”, destaca.


Questionado a respeito do espaço no Estado ser fundamental para a participação do partido, Trócoli destacou que o PMDB é um partido importante e ‘até agora não teve nenhum espaço relevante no governo para ter o respeito que ele merece’.


Sobre a Secretaria de Juventude, Esporte e Lazer, que já havia sido preterida pelo deputado em entrevistas anteriores, a resposta já foi revista. “Depende do que vai ser a estrutura para essa secretaria”, aponta, mas ainda assim voltou a lembrar os outros nomes do partido. “Sou muito feliz na Assembleia e se qualquer outro colega quiser ir, Raniery, Nabor, Gervásio… minha missão paratidária é trabalhar. Estarei pronto para mostrar a força do PMDB não só na Paraíba, mas em Brasíla apresentando bons projetos”, diz.


Ao citar Gervásio, Trocólli foi questionado sobre o parlamentar ter sido eleito para o segundo biênio a frente da Mesa Diretora da Casa. “Ainda tem um ano, onze meses e 28 dias pela frente”, respondeu.

 

 


Marília Domingues / Marcos Weric