Tovar denuncia que médico ganha até R$ 69 mil por mês em Piancó e pede providências ao Ministério Público

Tovar denuncia que médico ganha até R$ 69 mil por mês em Piancó e pede providências ao Ministério Público
O deputado estadual, Tovar Correia Lima (PSDB), usou a tribuna na Assembléia Legislativa da Paraíba (ALPB) para denunciar um caso de um médico que chega a tirar R$ 69 mil por mês na Prefeitura de Piancó. “A saúde do município vive o caos. Faltam médicos, faltam medicamentos e estrutura adequada e nos deparamos com um médico que recebe uma média de R$ 50 mil por mês, chegando a receber em julho R$ 69 mil. Não podemos admitir isso”, disse.
O parlamentar informou que os vereadores de oposição no município de Piancó vão encaminhar a denúncia ao Ministério Público. “Peço que o MP tome as providencias cabíveis, pois isso não é correto, não é moral. Os moradores penam com a falta de médicos e estrutura básica e um único profissional recebe tudo isso da gestão. É necessário apurar e dar a resposta devida à população”, defendeu.
O médico que recebe o alto valor da gestão, segundo dados do Sagres do Tribunal de Contas do Estado (TCE), é José Carlos Soares, mais conhecido como Doutor Carlinhos. Ele é médico efetivo do município desde 2009. Atualmente, ele não consta como médico de nenhuma Unidade de Saúde da Família e encontra-se como responsável pela Unidade de Pronto Atendimento local (UPA).
“Vamos fazer uma conta simples: Mesmo que ele desse plantão o mês inteiro, o que não é permitido pelo Conselho de Medicina, ele receberia o valor de R$ 1 mil por plantão, ou seja, teria R$ 30 mil no final do mês. Como medico efetivo, o salário dele não poderia ser superior a R$ 10 mil e ele teria que dar 40 horas semanais em uma Unidade de Saúde da Família. Como ele pode receber todo esse montante por mês? Esta conta não fecha”, argumentou.
 
 
 
Fonte: Múltipla Integrada multipla.integrada@gmail.com