Técnico ignora ordens médicas e vai ao estádio, mas em tarde inspirada do goleiro, Treze vence por 1 x 0

Técnico ignora ordens médicas e vai ao estádio, mas em tarde inspirada do goleiro, Treze vence por 1 x 0

Com dores no corpo, o técnico do Central, Celso Teixeira, foi internado em uma hospital na noite deste sábado (22) e deveria continuar hospitalizado, mas preferiu ir para o jogo comandar a Patativa, mesmo não estando 100%, mas não contava com tarde inspirada do goleiro do Galo, Léo, que impediu os gols do adversário. 

O goleiro Léo fez defesas inacreditáveis, principalmente no segundo tempo. Com o resultado parcial o Central continua na segunda colocação com 10 pontos conquistados, enquanto o Treze também segue em terceiro, com 9 pontos ganhos.

Para recuperar a liderança do grupo, o Central atacou desde o início, mas o Treze se defendeu bem e jogou apenas nos contra-ataques. Com a defesa aberta devido aos ataques, o Central sofreu o gol ainda no primeiro tempo. Aos 45 minutos, em escanteio cobrado da direita, André Beleza colocou a bola na cabeça de Nonato, que sozinho, desviou sem marcação e abriu o placar.

Apesar do gol o Central continuou atacando, mas o goleiro do Treze foi um verdadeiro paredão, não permitindo que a Patativa saísse do zero.

Na 8ª rodada o Central folga. Já o Treze recebe o Goianésia, às 16h, no Estádio Presidente Vargas.

 

 


Redação