Solicitações de crédito do Empreender Paraíba passam a ser realizadas via internet

Solicitações de crédito do Empreender Paraíba passam a ser realizadas via internet

O Empreender Paraíba, programa estadual que viabiliza créditos para microempreendedores, ganhou novo aparato tecnológico com a implantação de um sistema que garante celeridade de todos os seus processos no Estado. Desenvolvida pela Integrativa, empresa paraibana que atua nas áreas de tecnologia e comunicação, a ferramenta é responsável por toda a gestão eletrônica das solicitações de crédito do programa. Substituindo um processo que era realizado manualmente, o novo sistema possibilita o controle das ações administrativas e obter todo o acompanhamento do trâmite processual. “Nos vimos diante da necessidade de uma ferramenta que auxiliasse não só o corpo técnico, mas também o usuário com informações de cadastro, status e valores em tempo real”, explicou o secretário executivo do Empreender Paraíba, Eduardo Moraes. No site do Empreender (http://empreender.pb.gov.br/), os interessados podem ter acesso ao sistema por meio da seção “Inscrição”. No primeiro momento, o internauta poderá escolher qual linha de crédito corresponde ao seu perfil - Individual, Coletivo, Artesanato, Mulher e Gás Natural - na página inicial. O interessado deverá preencher um formulário com dados da sua empresa, e após a realização do cadastro, o sistema encaminhará esta solicitação para os gestores do Empreender. Também por meio da ferramenta, os consultores do programa irão complementar o cadastro do novo cliente, que poderá acompanhar se sua solicitação foi aprovada. O diretor executivo da Integrativa, Luiz Henrique Brito, explica que o sistema também oferece aos usuários a criação de um mini plano de negócios. Segundo ele, além de fazer toda a captação de dados, a ferramenta permite que ele trace uma estratégia junto com o consultor e defina dados como a missão, visão, pontos fracos e fortes e a descrição do produto ou serviço. “O sistema também apresenta algumas vantagens como o controle do fluxo de caixa, e desse modo, ajuda o microempreendedor a usar o crédito de maneira inteligente e em prol de resultados positivos para o seu negócio”, destacou. A ferramenta também emite contratos e despachos de liberação do crédito, além de gerar relatórios estatísticos e monitorar se o pagamento está sendo efetuado pelo cliente. “Os gestores têm como mensurar a distribuição de créditos por municípios na Paraíba, e qual é o perfil deste público, por exemplo”, completou.

MaisPB com Assessoria