Serviços do Detran podem ser acessados por meio de celulares e tablets

Serviços do Detran podem ser acessados por meio de celulares e tablets

Os usuários do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) já podem acessar grande parte dos serviços prestados pelo órgão por meio do telefone celular e tablets, baixando nos aparelhos que operam no sistema Android o aplicativo Detran Mobile, desenvolvido pela Companhia de Processamento de Dados da Paraíba – Codata.

Pelo aplicativo os usuários do Detran poderão realizar consultas como pontos na Carteira Nacional de Habilitação, multas, resultados de exames, situação cadastral dos veículos e valores de licenciamento ou IPVA.

O lançamento do Detran Mobile foi feito na manhã da última segunda-feira (24) pelo superintendente do Detran, Rodrigo Carvalho, que disse na ocasião que está em construção a versão do aplicativo para ampliar o acesso aos usuários que possuem aparelhos no sistema IOS, como o iphone e ipad .

Por enquanto, para utilizar o Detran Mobile basta possuir um aparelho Android e baixar o aplicativo por meio da loja virtual Play Store, sem qualquer custo operacional.

O Detran da Paraíba é o sexto, em todo o país, a disponibilizar os serviços por este tipo de aplicativo já em uso pelos Detrans dos estados de São Paulo, Ceará, Minas Gerias, Goiás e no Distrito Federal.

Serviços oferecidos - No campo dedicado aos veículos será possível obter informações sobre a situação cadastral. Na área de licenciamento, os usuários poderão verificar valores e prazos para pagamento. O aplicativo também permite consultas sobre existência e valores de multas. Na opção exame, será possível verificar resultados de provas psicotécnicas ou prática de direção veicular.

Existe ainda a opção “pontuação de CNH”. Nela os condutores habilitados poderão verificar a existência de pontos na carteira nacional de habilitação, por infração de trânsito. O superintendente do Detran lembra que o acompanhamento desta pontuação pode livrar os condutores de constrangimentos em relação aos bloqueios na CNH.

Ele revelou que, atualmente, cerca de 6 mil condutores paraibanos estão com mais de 20 pontos na CNH e deveriam ir ao Detran entregar a carteira. Só assim serão encaminhados aos Centros de Formação de Condutores para que frequentem 30 horas de aulas teóricas e recuperem o direito de dirigir.

Diante da grande quantidade de usuários do sistema Android, a expectativa da direção do Detran é de que o acesso aos serviços do órgão pela internet evite deslocamentos até a sede do Departamento de Trânsito, desafogando os principais setores e agilizando o atendimento aos usuários com demandas que não possam ser resolvidas pela internet.

Assessoria