Senador Raimundo Lira nega ter feito doação em dinheiro a candidatos nas eleições de 2010

Senador Raimundo Lira nega ter feito doação em dinheiro a candidatos nas eleições de 2010

O senador Raimundo Lira disse, durante sessão do senado, que não fez nenhuma doação em dinheiro para candidatos em 2010. “ Todas as minhas doações foram feitas vias transferências  bancárias e pagas com cheque nominal”,afirmou ao destacar que ele fez o TED, com o cheque cruzado e nominal.

Ele disse que pediu a UOL que mandasse um emissário ao gabinete para que ele mostrasse a documentação apesar de já está prescrita porque já passam dos cinco anos.

Raimundo Lira disse que o jornalista passou duas horas fazendo as anotações e que foi feita uma entrevista e eles saíram muito bem e eu pensei que estava tudo resolvido e agora a UOL publicou uma matéria dizendo que eu fiz a doação sem ter meios para fazer”, lamentou o senador.

Na matéria, o Portal UOL  disse que  senador Raimundo Lira (PMDB-PB), presidente da comissão de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), doou à chapa onde era suplente para o Senado, em 2010, o valor de R$ 870 mil, utilizando recursos que ele não havia incluído em sua declaração de bens à Justiça Eleitoral, feita no ano anterior. De acordo com o TSE (Tribunal Superior Eleitoral), a doação foi feita em 12 depósitos em espécie (com dinheiro vivo).

 

 

 
 
 

Redação