Senador Cássio não descarta candidatura ao Governo, critica obras de Ricardo Coutinho e elogia Vitalzinho

Senador Cássio não descarta candidatura ao Governo, critica obras de Ricardo Coutinho e elogia Vitalzinho
O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) disse, neste fim de semana em Sousa, que nada está decidido em ralação à 2014 e admitiu a possibilidade de ser candidato a governador, pois as indicações giram em torno do seu nome, ressaltando, porém, que tudo depende ainda de um entendimento do partido, e que a possibilidade de manutenção de aliança com o atual governador Ricardo Coutinho (PSB) também não está descarta. Segundo ele, o partido é quem vai decidir entre duas teses: manter a aliança ou lançar candidatura própria.
"É claro que eu fico lisonjeado com essa lembrança, fico agradecido com todas essas manifestações, mas nós vamos fazer uma discussão interna no partido a partir do início do ano que vem e vamos deliberar sobre isso", afirmou o tucano. Perguntado como ele ver algumas obras na Paraíba que estão sendo conduzidas pelo Governo a passos lentos o senador se mostrou admirado, pois segundo ele, muitas delas foram iniciadas no seu Governo e até agora não foram concluídas. 
"Precisamos cobrar sempre, todo Governo tem que ser alvo de cobrança... é natural que as cidades, as comunidades reclamem e cobrem daquilo que precisa ser melhorado", declarou. Ainda, durante a entrevista, o senador rasgou elogios ao senador Vital do Rêgo (PMDB) e exaltou a possibilidade e a importância do colega assumir o Ministério da Integração Nacional. "Ficaria extremamente feliz em ver o senador Vital assumindo o Ministério da Integração", concluiu. 
O que chama a atenção é que o discurso do senador Cássio mudou muito do começo de 2013 pra cá. Antes ele ressaltava a importância da aliança com Ricardo, mas hoje diz que a decisão é do partido e que o resultado final a respeito do assunto só sairá mesmo em 2014.