Secretaria de Saúde emite nota e informa que imagens divulgadas por telejornal são de 2013

Secretaria de Saúde emite nota e informa que imagens divulgadas por telejornal são de 2013

A Secretaria Estadual da Saúde emitiu uma nota oficial no início da tarde desta quarta-feira (4) para esclarecer denúncias veiculadas pelo telejornal da Rede Globo, Bom dia Brasil, que publicou na edição de hoje imagens de um cadeirante sendo agredido por seguranças do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande.

Na nota, a Secretaria de Saúde esclarece que as imagens divulgadas são datadas de 8 de julho de 2013 e que o governo do estado rechaça qualquer excesso na conduta dos servidores em defesa da ordem e do bem público.

A Secretaria de Saúde também informa que os seguranças envolvidos no episódio foram afastados de suas funções logo após o incidente. Confira a nota na íntegra:

Nota

Secretaria de Estado da Saúde

 A respeito de denúncia de agressões por parte de seguranças a paciente no interior do Hospital de Trauma de Campina Grande, a Secretaria de Estado da Saúde destaca que:

1 – O episódio captado por imagens da segurança interna foi registrado no dia 8 de julho de 2013, conforme atesta data inscrita no canto superior do próprio vídeo em questão, e não recentemente como se tentou deixar transparecer na divulgação por parte de alguns setores da mídia;

2 – Todos os integrantes da equipe de segurança que apareceram nas imagens foram automaticamente afastados de suas funções logo após o incidente. O mesmo aconteceu com os servidores denunciados pelo cidadão que teria sofrido agressão por membros da equipe de apoio do Hospital;

3 – O Governo do Estado rechaça qualquer excesso na conduta dos servidores em defesa da ordem e do bem público e sempre orientou as diretorias de todos os hospitais da rede pública estadual que cobrem de todo corpo funcional das instituições atendimento digno e respeitoso aos cidadãos, o que tem conferido à rede hospitalar da Paraíba, uma das que mais cresceram no Brasil nos últimos três anos, reconhecimento oficial de humanização dos serviços;

4 – Inaugurado na atual gestão, o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, que realiza mais de mil cirurgias por mês, ampliou o número de leitos, vinte deles na UTI, e implantou um dos mais modernos centros vasculares do Brasil, o primeiro da Paraíba;

5 – É de se estranhar que alguns veículos responsáveis pela divulgação do vídeo não tenham em qualquer instante das reportagens destacado que o episódio ocorreu, praticamente, um ano atrás, requentando o caso com claro intuito de fazer com que o público entenda como algo recente, às portas de uma campanha eleitoral. Tal maneira de exploração só pode sugerir a interpretação de que o tratamento dado por alguns setores da mídia tenha nítida inspiração política, com desejo de denegrir a imagem de um hospital que, reconhecidamente, é uma referência no atendimento em todo Nordeste;

Por fim, reafirmamos nosso compromisso em cuidar bem das pessoas, tendo ampliado a rede hospitalar em mais de 600 novos leitos, investindo em construção e ampliação de hospitais, na contratação de profissionais de saúde e aquisição de equipamentos, algo que não encontra sequer rastros de precedentes nos governos anteriores.

Secretaria de Estado da Saúde