Ronaldinho Gaúcho e Papa Francisco: juntos pela paz

Ronaldinho Gaúcho e Papa Francisco: juntos pela paz

Craques do futebol internacional jogarão a segunda partida inter-religiosa pela paz, convocada pelo Papa Francisco para o próximo dia 29 de maio, no estádio olímpico de Roma.

O ex-jogador da seleção brasileira Ronaldinho Gaúcho, e o jogador Bryan Ruiz, o presidente da liga espanhola, Javier Tebas, e o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, apoiaram a iniciativa do Papa no Vaticano, durante o Congresso Mundial de Scholas Ocurrentes.

“A partida pela paz pretende demonstrar que somos capazes de fazer paz com o jogo, com a arte. Eu convido vocês a acompanharem este jogo”, disse Francisco.

A primeira partida de futebol inter-religioso pela paz foi realizada no dia 1º de setembro de 2014, e contou com personalidades como Iván Córdoba, Eto’o, José Chamot, Javier Zanetti, Diego Simeone, Cristian Ledesma, Carlos Valderrama, Alessandro Del Piero, Iván Zamorano, Francesco Toldo, Andriy Shevchenko, Mauro Icardi, Gianluigi Buffon e Gabriel Heinze, entre outros.

Naquela ocasião, o Papa lançou um convite aos que participavam: “Abram seus corações de irmãos a irmãos! Este é um dos segredos da vida: abrir os corações – e também a dimensão mais profunda e autêntica do esporte”.

A partida amistosa entre jogadores de diversos times e de todo tipo de religião e confissão cristã também é solidária, já que o dinheiro arrecadado será destinado a projetos educativos e de inclusão social.

 

 

 

 

 

http://pt.aleteia.org/