Rodrigão dá show, Raposa vence Imperatriz e avança na Copa NE

Rodrigão dá show, Raposa vence Imperatriz e avança na Copa NE

Já virou rotina. Vitória do Campinense e show de Rodrigão. O artilheiro do Brasil em 2016 adicionou a sua segunda tripleta seguida – no último domingo (6), pediu música ao anotar três ante o Esporte, pelo Paraibano – e a Raposa atropelou o Imperatriz-MA, por 3 a 0, pela penúltima rodada da primeira fase da Copa do Nordeste. A vitória garantiu matematicamente o Rubro-negro nas quartas de final da Copa do Nordeste. De quebra, mais R$ 430 mil em caixa, totalizando R$ 935 mil (R$ 505 mil da primeira fase) de cota no torneio.

Com os três gols no estádio Frei Epifânio, no interior do Maranhão, Rodrigão assumiu a artilharia do Nordestão, com seis tentos contra cinco de Hernane brocador, do tricolor baiano. Somando os outros sete anotados no Paraibano, já são 13 gols em 2016.

Se na frente Rodrigão decidiu novamente, atrás Gledson pouco sofreu muito pela consistência já notabilizada no time de Diá. Quando o Imperatriz chegou, foi na bola parada, com Bruno Rodrigues. Gledson compareceu.

Rodrigão e companhia voltam a campo domingo (13), no Amigão, contra o Atlético de Cajazeiras, pela oitava rodada do estadual. Já pelo Nordestão, o último compromisso na primeira fase acontece somente no dia 23, contra o ABC-RN, também em Campina Grande.

Belo tropeça 

Com gol de Muller, de pênalti, aos 46 minutos do primeiro tempo, o Botafogo-PB vencia o River-PI até aos 42 minutos da segunda etapa, quando o zagueiro Rafael Araújo empatou para os piauienses. O empate praticamente tira as chances de classificação do Belo para as quartas de final da Copa do Nordeste.

Com o resultado, o Botafogo-PB segue amargando a lanterna do Grupo D com 5 pontos, um a menos que o River, terceiro colocado. Sport e Fortaleza tem 8 e 7 pontos, respectivamente. O Belo volta a campo no dia 23, quando enfrentará o Sport na Ilha do Retiro, sem depender apenas de si para avançar.

Ficha técnica de Imperatriz 0 x 3 Campinense
Data: 10/03/2016 – 19h15
Local: Estádio Frei Epifânio D’Abadia – Imperatriz-MA
Cartões amarelos: Bruno Rodrigues (I); Danilo, Jairo, Negreti, Leandro Sobral (C)
Gols: Rodrigão (aos 24’ do 1ºT, aos 8’ e aos 25’ do 2ºT) para o Campinense

Imperatriz: Raphael; Marquinhos, Guilherme, Asprilla e Edson; Bruno Rodrigues, Otávio, Jean Carlo (Jefinho) e Danilo (Thaynan); Yerien e Wegno (Jailton). Técnico: Pedrinho Rocha.

Campinense: Gledson, Everaldo, Joécio (Jairo), Tiago Sala e Danilo; Negreti, Fernando Pires (Felipe Ramon), Leandro Sobral (Tiago Pedra) e Jussimar; Raul e Rodrigão. Técnico: Francisco Diá.

 

 

 

 

MaisPB
Maurílio Júnior