Ricardo inaugura novo Cine Banguê do Espaço Cultural nesta sexta

Ricardo inaugura novo Cine Banguê do Espaço Cultural nesta sexta

O governador Ricardo Coutinho vai inaugurar, nesta sexta-feira (19), o novo Cine Banguê, unidade de audiovisual da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc), que elaborou uma programação especial desenvolvida até segunda-feira (22). A cerimônia de inauguração começa às 19h e homenageia os cineastas paraibanos Vladimir Carvalho e Manfredo Caldas. Em seguida, às 20h, tem início a sessão de curtas paraibanos apenas para convidados. A segunda sessão gratuita começa às 22h e é aberta ao público.

Os interessados em assistir podem retirar os ingressos que estarão disponíveis na bilheteria com uma hora de antecedência. Serão exibidos os filmes “Amargo da Cana” (direção Van Pereira, Suellen Ramos e Wellynghton De Oliveira); “Ilha” (direção Ismael Moura); “Campana” (direção: Gian Orsini); “Redemunho” (direção Marcélia Cartaxo) e “Sociedade do Cloro” (direção Ana Bárbara Ramos). A programação especial de inauguração se estende até a segunda-feira (22) com exibições e ações paralelas de formação e rodada de negociação destinadas a profissionais do setor de audiovisual.

Entre as atividades paralelas, a programação da primeira noite inclui o lançamento do livro Jornal de Cinema, do cineasta Vladmir Carvalho, com sessão de autógrafos a partir das 21h30. Na mesma noite, tem início a Oficina de Documentário, ministrada por João Vieira Júnior. A ação é realizada pela Unidade Técnica do Prodav TVs Públicas, em parceria com entidades locais e TVs públicas. O objetivo é preparar os interessados em participar dos editais da segunda edição do Prodav TVs Públicas.

Sábado – Como parte da programação especial, no sábado (20), haverá uma sessão às 18h30 com o filme “Califórnia” (Brasil, direção Marina Person). Em seguida, às 20h30, sessão do filme “Batguano” (Brasil, Paraíba, direção Tavinho Teixeira). Entre as ações paralelas, tem continuidade a oficina Prodav de Documentário das 9h às 18h.

Domingo – A programação de inauguração prossegue no domingo (21), com exibição às 16h do filme “Último Cine Drive-In” (Brasil, direção Iberê Carvalho). Em seguida, às 18h, está programada uma sessão homenagem a Manfredo Caldas com a exibição do filme “O Romance do Vaqueiro Voador”, do qual assina a direção. Em seguida, haverá debate com o diretor e presença do ator Luiz Carlos Vasconcelos. A mediação será feita por Liuba de Medeiros.

Entre as ações paralelas do domingo tem continuidade a oficina do Prodav de Documentário, das 9h às 18h. À tarde, a partir das 15h, acontece a mesa redonda sobre o tema “Caminhos da distribuição de conteúdos audiovisuais no Brasil” com a participação de Leticia Santinon (Vitrine Filmes), Ramiro Azevedo (Coordenador de licenciamento da programadora Box Brazil), João Vieira Jr. (Produtor de cinema/ REC Produtores). Mediação: Arthur Lins (Realizador paraibano e professor do Curso de Cinema da UFPB). O debate é aberto ao público e acontece no auditório Auditório 1, Mezanino 2, Rampa 1.

Segunda-feira – A programação especial de inauguração finaliza na segunda-feira (22) com ações paralelas das 18h às 22h. É quando acontece a rodada de negócios com a programadora Box Brazil e participação de produtores e realizadores selecionados após o processo de inscrição.

Na programação especial de inauguração (19 a 22 de fevereiro), o acesso a todas as sessões é gratuito. A partir da quarta-feira (24), o Cine Banguê passa a funcionar com sessões regulares pagas. A venda de ingressos é feita na bilheteria do local a preços de R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada), temporariamente com pagamento apenas em espécie. As sessões do Tintin Cineclube, no entanto, serão gratuitas.

Programação regular – Na programação regular do período de 24 de fevereiro a 7 de março serão exibidos os filmes “Último Cine Drive-In” (Brasil, direção: Iberê Carvalho), “Jauja” (Argentina/Brasil, direção: Lisandro Alonso), “Nick Cave – 20.000 dias na terra” (Reino Unido, direção: Iain Forsyth e Jane Pollard), “Califórnia” (Brasil, direção: Marina Person), “Batguano” (Brasil, Paraíba, direção: Tavinho Teixeira), “O Menino e o Mundo” (Brasil, direção: Alê Abreu).

Sobre o novo Cine Banguê – O Cine Banguê retomará suas atividades em um espaço moderno e atualizado, com capacidade para 120 pessoas, sendo 116 lugares e mais 4 espaços para cadeirantes. Sua programação será diversificada buscando incentivar a formação do público para obras que muitas vezes não se encontram disponíveis nos circuitos comerciais. O cinema encontra-se equipado com o projetor digital 2K.

Oficinas – Paralela à programação de inauguração, na parte de formação são ofertadas três oficinas. A primeira delas é a de Documentário, que será ministrada por João Vieira Júnior, de 19 a 21 de fevereiro. Já a de Animação tem como ministrante Maurício Martins Nunes, no período de 11 a 13 de março. Por último, acontece a de ficção, ministrada pior Diana Almeida de 18 a 20 de março. As atividades são realizadas pela Unidade Técnica do Prodav TVs Públicas, em parceria com entidades locais e TVs públicas. As oficinas acontecem nas 27 capitais brasileiras. O objetivo é preparar os interessados em participar dos editais da segunda edição do Prodav TVs Públicas.

Para participar, os interessados devem preencher a ficha de inscrição online, disponível em http://goo.gl/forms/sGw8qoHQgo, apresentando uma proposta de projeto para a categoria da oficina que pretende cursar, contendo nome, formato, pequena sinopse e estágio do projeto. Também é preciso apresentar uma carta de intenção de uma empresa produtora independente e registrada na Ancine, comprometendo-se a inscrever o projeto nas chamadas públicas. A oferta é de 30 vagas por oficina.

Rodada de Negócios – Além das ações de formação, haverá uma rodada de negócios no dia 22 de fevereiro, no auditório 1, rampa 1, mezanino 2 do Espaço Cultural José Lins do Rego, das 18h às 22h. A atividade faz parte da programação de inauguração do novo Cine Banguê. A ação é uma forma mais dinâmica e econômica de aproximar produtoras e realizadores das programadoras que desejam obter conteúdo para integrar à programação dos seus canais. Nesta primeira edição, a Funesc, por meio da sua Unidade de Cinema, traz para João Pessoa a oportunidade da classe audiovisual apresentar e comercializar seus conteúdos que se encaixem nos diversos perfis da programadora Box Brazil.

Cada produtor ou realizador terá no máximo 20 minutos com o coordenador de licenciamento da Box Brazil. Cada participante (pessoa jurídica ou pessoa física) deverá apresentar seu histórico de produções e seus conteúdos finalizados. Apenas as empresas produtoras poderão também apresentar projetos a serem desenvolvidos.

A inscrição para a rodada de negócios é gratuita e pode ser feita por meio de formulário divulgado na página da Funesc e nas suas respectivas redes sociais, seguindo abertas até o meio-dia (horário local) do dia 19 de fevereiro.  Formulário disponível no link: http://goo.gl/forms/3niWjunosI.

 

 

 

 

 

http://paraibaja.com.br/