Ricardo defende gestão da Cruz Vermelha no hospital de Trauma

Ricardo defende gestão da Cruz Vermelha no hospital de Trauma

O governador Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição pela coligação ‘A Força do Trabalho’, defendeu, nesta quinta-feira (11), durante entrevista à TV Correio, o modelo de gestão de gestão implementado no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa pela Cruz Vermelha do Brasil. Segundo ele, o hospital “está mais público do que nunca”.

“Foi fundamental dar operacionalidade ao hospital. Percebi isso no meu terceiro mês de gestão. Estava em Brasília, quando recebi uma ligação informando que uma pessoa morreu por falta de atendimento no Trauma. Foi a partir daí que iniciamos o processo de pactuação com a Cruz Vermelha”, recordou o governador.

De acordo com Ricardo, hoje o Trauma de João Pessoa está cada vez público, porque está atendendo cada vez mais pessoas. “Aumentamos de 230 cirurgias por mês para 1.050, abrimos o HTOP e ampliamos o Trauma. Para termos um hospital muito mais barato, regularizamos todos os contratos dos funcionários, que passaram a ser contratados em regime CLT”, observou.

Ainda na entrevista, Ricardo disse que a Paraíba vivencia um ciclo de desenvolvimento industrial e no setor de serviços. Ele destacou a consolidação do pólo cimenteiro e automotivo, com três fornecedoras da FIAT se instalando no Estado, e comemorou a chegada das empresas de call centers, que serviram para impulsionar a geração do 1º emprego para jovens.

MaisPB