Reviravolta: Juiz Federal suspende posse de Lula à Casa Civil

Reviravolta: Juiz Federal suspende posse de Lula à Casa Civil

O Juiz Federal Itagiba Catta Preta Neto deferiu liminar sustando ato de nomeação do ex-presidente, Lula como ministro-chefe da Casa Civil. A liminar saiu poucos minutos após o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tomar posse no Palácio do Planalto na manhã desta quinta-feira (17).

A cerimônia foi marcada por manifestações contrárias e de apoio ao governo. No dia anterior, foi divulgada uma conversa telefônica entre Lula e a presidente Dilma Rousseff, na qual ela disse que encaminharia a ele o "termo de posse" de ministro. Dilma diz a Lula que o termo de posse só seria usado "em caso de necessidade".

Lula chegou pela manhã em Brasília para a posse no Planalto. Além de Lula, tomam posse Eugênio Aragão (Justiça), Mauro Lopes (Secretaria de Aviação Civil) e Jaques Wagner (Chefe de Gabinete Pessoal).

O vice-presidente Michel Temer não participou da cerimônia no palácio. Segundo sua assessoria, ele "não pode comparecer à posse de um ministro que afronta a decisão soberana da convenção nacional do PMDB de não ocupar cargos no governo". É uma referência direta a Mauro Lopes, que assume a Aviação Civil. A expulsão de Lopes do PMDB será analisada a partir de sexta.

O ministro Jacques Wagner não estava presente no início da cerimônia porque, segundo a presidente Dilma, estava viajando a Brasília "de avião de carreira" e "não de avião da FAB".

 

 

 

 

 

Veja