RC se diz tranquilo com auditoria de urnas na PB e alfineta Cássio: 'fica procurando criar instabilidade'

RC se diz tranquilo com auditoria de urnas na PB e alfineta Cássio: 'fica procurando criar instabilidade'

O PSDB pediu e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) atendeu o pedido de auditoria de 40 urnas no Estado e o governador Ricardo Coutinho (PSB) minimizou a decisão afirmando que está tranquilo e que podem ser auditadas todas as urnas: “sei da liberdade que o povo teve em votar com mais de 111 mil votos a mais na minha pessoa”.

O governador viu com tranquilidade a decisão do TSE, mas afirmou que sequer acompanhou isso. “Para mim 2014 passou e passou com a população expressando quem ela queria que governasse”, afirma.

Coutinho falou ainda que “esses que ficam mexendo, procurando criar instabilidade não terão sucesso” e aproveitou para alfinetar o senador Cássio Cunha Lima (PSDB). “A Paraíba os conhece. Você imagina alguém que passa seis anos exercendo o poder e você não consegue lembrar nada do que foi feito. Não tenho a menor preocupação, fui eleito para governar e estou governando”, diz.

Para o governador, pode ser feita a auditagem em todas as urnas: “Sei da liberdade que o povo teve em votar em mim por mais de 111 mil votos a mais na minha pessoa”, conclui.

 
 
 
 


Marília Domingues / Fernando Braz