RC encontra com Dilma e reforça pedidos sobre 3º eixo da transposição, Porto de Cabedelo e expansão do Castro Pinto

RC encontra com Dilma e reforça pedidos sobre 3º eixo da transposição, Porto de Cabedelo e expansão do Castro Pinto

O governador Ricardo Coutinho (PSB) cumpre agenda de viagem desde a segunda-feira (17) em Brasília, com encontros no BNDES, no Ministério das Cidades e com a presidente Dilma Rousseff (PT). Coutinho deve se reunir com Dilma nesta quarta-feira (19) onde irá reivindicar uma atenção especial para a terceira etapa da transposição do Rio São Francisco, melhorias no Porto de Cabedelo e na expansão do Aeroporto Castro Pinto.

“Hoje à tarde em Brasília devo estar com a presidenta Dilma para tratar de vários assuntos. Uma parte administrativa, inclui o terceiro eixo da transposição do São Francisco, pelo Vale do Piancó, que inclui o sistema adutor da Borborema, que nós já estamos realizando o projeto executivo pelo estado e que devemos estar com as duas obras no PAC III”, pontuou Coutinho.

O governador ainda frisou que irá tratar sobre o porto de Cabedelo. “Porque antes da minha posse em 2011, houve uma paralisação, eu não era governador ainda, houve uma paralisação de serviços de dragagem do canal de acesso. Isso prejudicou muito, apesar que o porto quase triplicou o seu movimento de cargas ao longo dessa primeira gestão em que eu estou a frente dos destinos da Paraíba. Passamos de 800 mil toneladas anuais para mais de 2 milhões toneladas anuais. E é possível avançar muito mais desde que a gente possa modernizar Cabedelo, que é um porto delegado pelo governo federal ao estado da Paraíba. Possamos modernizar as instalações, reforçando o cais envolvente, terminar a dragagem. Enfim possa dar condições para que o porto opere na sua plenitude”.

Aeroporto – Coutinho ainda ressaltou que irá pedir a expansão do Aeroporto Castro Pinto. “É uma outra necessidade muito grande. Porque passamos de 1,2 milhão de passageiros por dia, que é algo extremamente importante dentro de um aeroporto que precisa de um novo terminal. Vou procurar começar a pautar isso com a presidente a partir de hoje”, garante.

BNDES e Ministério das Cidades - “Estou aqui desde segunda feira (17), desde a noite de segunda tive algumas audiências com ministros. Estive no Ministério das Cidades, ontem estive no BNDES tratando de ajustes dos nossos financiamentos. Estamos com medições na ordem de mais de R$ 120 milhões de reais em obras que estão sendo realizadas na Paraíba. Você imagina o montante de coisas que nos próximos dias deveremos ter a devida solução para acertar o prazo que se implantou a partir do BNDES. Acho que isso já está sendo completamente superado a partir do diálogo que tivemos”, pontuou o governador.

Coutinho também explicou as conversas feitas no Ministro das Cidades sobre atualização de repasse de recursos para a cidade de Rio Tinto. “Vou pedir para a presidente da Cehap vir aqui a Brasília para que haja um ajuste entre a Caixa Econômica Federal e o Governo do Estado para que a gente possa resolver a situação da cidade do Rio tinto, dando aos seus moradores, a regularização de propriedade, o título de propriedade daquelas casas que pertencem hoje a uma companhia”, explicou. 

 


Paulo Dantas/Fernando Braz