Raimundo diz que PMDB não tem dono e indica Caldeira para adjunto da Secom-PB

Raimundo diz que PMDB não tem dono e indica Caldeira para adjunto da Secom-PB
 O senador Raimundo Lira parece mesmo disposto a ser um dos protagonistas das eleições de 2018. Depois de ser chamado a baila para se posicionar mais a oposição pelos senadores José Maranhão e Cássio Cunha Lima, não se fez de rogado e reafirmou seu posicionamento de situação ao lado do governador Ricardo Coutinho.
 
Nesta quinta-feira, 5, em entrevista ao programa Master News, da TV Master, o senador Lira, confirmou que não está para brincadeira e além de confirmar que quer disputar a reeleição, demonstrou claramente que não quer apenas ser um candidato ou o “homem da mala”. Lira que participar das discussões e ser ouvido e opinar no processo.
 
Ele defendeu que a Direção Nacional acompanhe de perto as discussões sobre os rumos do PMDB da Paraíba na eleição de 2018 e disparou: “até por que a PMDB não tem dono”. Para bom entendedor, meia palavra basta e é fácil perceber para onde foi direcionado o recado.
 
Indicação - Pouco a feito a indicação, o senador confirmou, porém, que realmente sugeriu ao governador Ricardo Coutinho, que o jornalista e radialista, Fernando Caldeira, fosse nomeado como secretário adjunto de Comunicação, vaga que está aberta desde o afastamento do radialista, Célio Alves.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
RP