PT vê com desprezo fala de Efraim Filho e revela consenso em torno da pré-candidatura de Couto

PT vê com desprezo fala de Efraim Filho e revela consenso em torno da pré-candidatura de Couto

O presidente estadual do PT, Charlinton Machado, ignorou declarações do deputado federal Efraim Filho (DEM) em entrevista concedida ao site da Revista Veja neste domingo (25). O democrata afirmou que o "PT criou uma máquina de corrupção para financiar seu projeto de poder". Machado disse que o parlamentar da bancada paraibana "não tem moral" e afirma que "são criticas pautadas pelo ódio".

Para ele, "é tão inexpressiva a fala que nós ignoramos e não merecia qualquer resposta", disse Charlinton lembrando que a matéria veiculada pela Veja pode ser objetivo de avaliação da reunião desta terça-feira (27) dos petistas. "É perda de tempo tratar de um assunto partindo de quem pronuncia", cutucou o dirigente do Partido dos Trabalhadores.

A reportagem perguntou a Charlinton Machado se esse tipo de declaração atrapalha a relação do partido com o PSB do governador Ricardo Coutinho. E ele: "independe de nossa postura, como acredito que também da parte do governador", frisou.

Adiantou que em relação as eleições do próximo ano em João Pessoa, "não existe nenhuma dificuldade da parte do PT, até porque devemos disputar a Prefeitura de João Pessoa e estamos com três excelentes nomes para concorrer", destacou ao revelar o consenso em torno do nome do deputado federal Luiz Couto.

Além de Luiz Couto, colocaram os nomes à disposição do partido o vereador Fuba e o ex-deputado Rodrigo Soares. "Mas consensualmente, há uma preferência por Luiz por ter disputado duas eleições em João Pessoa e está no terceiro mandato de deputado federal", ressaltou.

A candidatura própria do Partido dos Trabalhadores será tema principal da reunião desta terça-feira. 

 

 

 

Paraíba.com.br