Produtores rurais paraibanos recebem educação empreendedora

Produtores rurais paraibanos recebem educação empreendedora

Com o conceito de que o produtor rural pode transformar sua propriedade numa empresa lucrativa, o Sebrae criou o “No Campo”, programa que possibilita a agricultores o acesso a novos conhecimentos e habilidades nas áreas de gestão, mercado, administração de pessoas e desenvolvimento de associações e cooperativas.

O programa já começou a ser posto em prática e, na última terça-feira (19), teve como público-alvo inicial agricultores da cidade de Matinhas, no Brejo paraibano, a 140 km de João Pessoa. A previsão é de que 100 produtores rurais do Estado, nas regiões do Agreste e Cariri sejam atendidos até o final do ano.

Para auxiliar o desenvolvimento dos produtores rurais da cidade, foram realizadas oficinas “Controlar meu dinheiro no campo” e “Custos para produzir no Campo”, que abordaram técnicas de controle financeiro. Participaram do treinamento integrantes da Associação dos Trabalhadores Rurais do Sítio Engenhoca e da Associação de Moradores e Agricultores do Sítio Juá de Cima e de Baixo. A capacitação contou com o apoio da prefeitura do município.

A cidade de Matinhas é referência nacional na produção de laranja tangerina e possui importância estratégica para o desenvolvimento econômico da região. Atualmente, o Sebrae atua na cidade através do Programa Território da Cidadania Borborema, por meio de ações que visam fomentar e fortalecer a agricultura daquele município.

De acordo com a analista do Sebrae em Campina Grande e gestora do Programa Território da Cidadania Borborema, Andréa Menezes Sousa, as ações do “No Campo” deverão ser ampliadas na cidade de Matinhas e região com o andamento das consultorias e realização de outras oficinas e cursos, a exemplo dos treinamentos “Gerenciar no Campo” e “Redes Associativas”.

“Devido a sua origem familiar, os pequenos negócios rurais nem sempre são encarados com o zelo que merecem. Isso dificulta, na maioria dos casos, a garantia de uma produtividade organizada que gere aumento real na renda das pessoas envolvidas com esses empreendimentos”, destacou Andréa.

Com o programa No Campo, o Sebrae busca promover uma modernização no trabalho dos produtores rurais, por meio de palestras, oficinas, cursos e consultorias, para que eles possam transformar a sua propriedade rural em uma empresa lucrativa, agregando valor à propriedade e aos produtos gerados dos negócios rurais.


Assessoria