PRF flagra 30 motoristas dirigindo sob efeito de álcool no final de semana

PRF flagra 30 motoristas dirigindo sob efeito de álcool no final de semana

Da sexta-feira (17) até o domingo (19), 30 pessoas foram flagradas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), conduzindo veículo automotor sob efeito de álcool nas rodovias federais que cortam o estado da Paraíba.  Duas pessoas foram presas e outras 28 tiveram suas Carteiras Nacional de Habilitação (CNH) recolhidas por dirigirem sob efeito de álcool.

Dos 30 infratores, 2 responderão pelo crime do artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB): dirigir sob efeito de álcool. Os condutores presos, ambos de 22 anos, estavam conduzindo motocicletas e um deles tentou fugir.

A primeira ocorrência de prisão por alcoolemia aconteceu em Queimadas, na noite de sexta-feira (17). Um homem que pilotava uma Honda Titan foi abordado pela equipe policial na BR-104. O condutor  que não possuía habilitação e estava com visíveis sintomas de embriaguez foi encaminhado a delegacia de Polícia Civil daquele município.

No Sertão paraibano, na BR-427, próximo ao município de Pombal, uma dupla foi vista trafegando pela rodovia sem fazer uso do capacete.  Os policiais deram ordem de parada que foi prontamente desobedecida quando os homens iniciaram a fuga trafegando em velocidade incompatível com o local.

Depois de alguns minutos de acompanhamento tático, a equipe PRF conseguiu realizar a abordagem da dupla. O condutor, além de ser inabilitado, estava pilotando a motocicleta com alto teor de álcool. Além da embriaguez, foi dada voz de prisão pelo cometimento do crime previsto no artigo 311 do CTB: trafegar em velocidade incompatível com a segurança.

Veículos recuperados

A PRF ainda recuperou três veículos roubados. As ações aconteceram em Pocinhos, Queimadas e Alhandra.

Na sexta-feira a noite, durante fiscalização realizada no município de Pocinhos, na BR-230, foi abordado o veículo Fiat Pálio com placas aparentes de São Paulo/SP, conduzido por um homem de 25 anos. Ao solicitarem os documentos pessoais e do veículo, a equipe percebeu sinais de adulteração no CRLV  – Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo. Efetuada vistoria minuciosa nos elementos de identificação veicluares, foi constatado que a placa original se tratava de um veículo com ocorrência de roubo e furto em São Paulo registrada em dezembro de 2014. O condutor responderá pelos crimes de receptação e  falsificação de documento público.

No sábado, um ciclomotor Shineray Phoenix  foi recuperado na BR-104, na altura do município de Queimadas. Durante a abordagem, os policiais verificaram que o ciclomotor estava com o número do chassis suprimido (raspado). Diante da suspeição de ser veículo roubado, o condutor e o ciclomotor foram conduzidos a Delegacia de Polícia Civil daquele município.

Já no início da noite do domingo, um Citroen/C3 foi recuperado na BR-101, em Alhandra. Os agentes deram ordem de parada ao veículo que era conduzido por um jovem de 20 anos e ao ser solicitado os documentos pessoais e do veículo, o condutor afirmou não possuir. Ao procederem as consultas nos sistemas policiais, foi constado o registro de roubo e furto em São Bernardo do Campo/SP. O homem foi levado a Delegacia de Polícia Civil e, se condenado  pela justiça, responderá pelo crime de receptação.

 

 

 

 

 

MaisPB com PRF-PB