Presos mais três envolvidos no assalto à casa do desembargador na Paraíba

Presos mais três envolvidos no assalto à casa do desembargador na Paraíba

Uma operação da Secretaria de Administração Penitenciária do Estado (Seap) prendeu, nesta quinta-feira (3), na comunidade Iraque, no bairro de Mangabeira, em João Pessoa, mais três suspeitos pelo envolvimento no assalto à casa do desembargador do José Ricardo Porto. O crime ocorreu no dia 30 de março deste ano, no bairro Altiplano, na Capital paraibana. A informação foi divulgada, com exclusividade, no programa Cidade Alerta Paraíba, TV Correio/ Record. 

De acordo com Walber Virgolino, secretário de Administração Penitenciária da Paraíba, após um levantamento detalhado, os agentes de inteligência da Gerência Executiva Planejamento, Segurança e Informação (Geplasi) da Seap foram em busca dos envolvidos.

“Nosso pessoal caiu em campo e durante esta quinta (3), conseguimos prender três – que já foram reconhecidos pelas vítimas. O mais breve possível vamos prender mais dois – que estavam na linha de frente do crime”, revelou Virgolino.

Os presos foram levados para a Delegacia de Roubos e Furtos de João Pessoa onde foram autuados pelo delegado Aldrovilli Grisi. Eles vão para a Central de Polícia Civil da Capital e serão transferidos para os presídios da Capital.

O crime

De acordo com a polícia, o cinco homens fortemente armados invadiram e assaltaram a casa do desembargador do Tribunal de Justiça da Paraíba, José Ricardo Porto, no domingo (30). Os acusados portavam espingardas de grosso calibre. O bando levou joias e vários objetos da residência do magistrado, mas parte do material foi recuperado.