Presidente do TCE pede gestores mais transparentes e eficientes com ferramentas digitais

Presidente do TCE pede gestores mais transparentes e eficientes com ferramentas digitais

“O mundo digital impõe hoje ao gestor o peso da responsabilidade pela vigilância constante de seus atos. Em tempo real, a sociedade exige cada vez mais resultados, mais eficiência e agilidade dos processos de gestão”. A observação é do presidente do Tribunal de Contas do Estado,  conselheiro Arthur Cunha Lima, e foi feita nesta quinta-feira (23), durante a abertura do “Seminário de Tecnologia da Informação e Comunicação na Gestão Pública”, que reúne, no Centro Cultural Ariano Suassuna, mais de trezentos representantes da área de TIC em órgãos municipais e estaduais.

Promovido pelo TCE, por meio de duas de suas unidades – a Ecosil (Escola de Contas Conselheiro Otacílio Silveira) e o Centro Cultural Ariano Suassuna, o seminário destina-se aos gestores públicos, servidores do TCE, chefes de Departamento de Tecnologia da Informação e Comunicação, Engenheiros de Sistemas, Gerentes de Rede e Técnicos em Informática do poder Legislativo, Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública, Codata, Secretaria Estadual de Finanças, as prefeituras municipais de João Pessoa e Campina Grande, além da Federação dos Municípios da Paraíba - Famup.

Em tom de conclamação, o conselheiro Arthur Cunha Lima lembrou aos gestores o compromisso de contribuírem ao máximo, em qualquer instância ou grau de hierarquia, com a integração de suas organizações “a esse processo “evolutivo, contínuo e interativo presente de forma irreversível na vida da sociedade e das instituições”. E completou, referindo-se ao objetivo central do seminário: “É preciso preparar a administração pública para os desafios que se impõem com as mudanças que todos nós nos deparamos”.

Entre essas transformações se destacam, a propósito, a computação em nuvem no âmbito da administração pública, as novas normas e legislações relacionadas à governança da informação, a contratação de serviços de tecnologia de terceiros, segurança das redes de dados e expansão de infovias.

Sob a coordenação do corregedor do TCE, conselheiro Fernando Catão, o evento trouxe a João Pessoa, para um dia inteiro de palestras e debates, especialistas de renome nacional e internacional, como se verifica pelos perfis abaixo. Pela manhã, dominaram as discussões a “Computação em Nuvem” e a “Governança da Informação”. E, à tarde, mais dois temas predominantes: “Redes e Infovias” e “Banco de Dados e BI”.

Palestrantes

Walfredo Cirne – possui graduação e mestrado pela Universidade Federal da Paraíba [Campina Grande] e doutorado na University Of California San Diego. Ele atualmente trabalha no grupo de infra-estrutura para could computing da Google, na California, EUA.

Luiz Mauricio Martins- Luiz Mauricio Martins- Doutor em Ciência e Tecnologia da Informação pela Universidade de Coimbra, Portugal na área de Governança de TI. Mestre em Engenharia de Software, UFCG,MBA em Gestão de empresas e Formado em computação pela Universidade de Brasilia. Professor da FGV On-line para a área de tecnologia, gestão e inovação. Trabalhou como desenvolvedor de aplicações estratégicas para a Receita Federal/ Ministério da Fazenda, no SERPRO, em Brasilia. É CEO da Choice, uma empresa de inteligência digital para a área pública, localizada no CESAR/Porto Digital no Recife.Atua como consultor, tendo desenvolvido projetos no IDB Bank - Arábia Saudita, Federação das Indústrias, Bradesco, Itaú, Energia de Portugal, CHESF e Tribunal de Justiça..

 

Guido Lemos de Souza Filho - É Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Federal da Paraíba, mestre e doutor em Informática pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Atualmente é professor Titular na Universidade Federal da Paraíba, diretor do Centro de Informática (CI) e pesquisador do Laboratório de Aplicações de Vídeo Digital (LAVID).

 

Leandro Marinho - Doutor em Ciência da Computação, Universidade de Hildesheim, Alemanha, 2010. Mestre em Engenharia Elétrica, UFMA, Brasil, 2005. Bacharel em Ciência da Computação, UFMA, Brasil, 2002. Professor do departamento de sistemas e computação da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG). Atua como docente, pesquisador e orientador nos cursos de graduação e pós-graduação em ciência da computação. Suas áreas de especialização são: Inteligência Artificial, Mineração de Dados e Recuperação da Informação.

 

 

 

 

 

Assessoria