Prefeituras de Conceição e Piancó gastaram mais de R$ 9,5 mi com servidores sem concurso

Prefeituras de Conceição e Piancó gastaram mais de R$ 9,5 mi com servidores sem concurso

A Prefeitura de Conceição foi a que mais gastou na região com servidores contratados no ano passado. Foram R$ 5.440.868,02, valor que corresponde a 45,5% de todo o dinheiro pago para quitar a folha de pessoal, que chegou a mais de R$ 11,9 milhões. Em dezembro, o número de contratados pelo prefeito Nílson Lacerda somavam 177 funcionários, e a folha ainda se formou com 575 efetivos, 38 comissionados e 6 eletivos, totalizando 796 servidores.

Em janeiro, mês em que o prefeito assumiu o poder, Conceição tinha 108 servidores contratados. Cinco meses depois, em junho, o número de temporários chegou a aumentar 286,1%, passando para 417, um crescimento de 309 servidores. Isso ocorreu porque o prefeito criou uma comissão e anulou um concurso público feito pela gestão anterior sob alegação de fraude e não chamou os candidatos aprovados, preferindo contratar a seu gosto. Mas os aprovados entraram na Justiça e conseguiram derrubar a decisão do prefeito, que começou a chamá-los para assumir seus postos de trabalho e diminuir o número de contratados.

Em relação a Piancó, a Prefeitura comandada por Sales Lima também gastou alto com servidores temporários, alcançando R$ 4.123.594,68. A edilidade é a terceira do Vale que mais desembolsou recursos para pagar servidores sem concurso público em 2013, perdendo, apenas, para a própria Prefeitura de Conceição e a de Itaporanga, que gastou mais de R$ 4,2 milhões. Juntas, essas três Prefeituras gastaram R$ 13,7 milhões com servidores contratados, sendo que os gastos de Conceição e Piancó passaram dos R$ 9,5 milhões.

Os gastos de Piancó com contratados no período de doze meses equivalem a 21,01% da movimentação financeira que a Prefeitura fez para pagar a folha, que chegou a superar a casa dos R$ 19,6 milhões, o maior entre todos os municípios regionais.

Embora tenha tido um gasto inferior com contratados em comparação com Conceição e Itaporanga, o número de servidores sem concurso de Piancó foi o maior da região. A Prefeitura piancoense terminou 2013 com 359 funcionários contratados, de um total de 1.310 servidores. A folha de pessoal ainda era composta por 679 efetivos, 262 comissionados, 7 eletivos e 3 inativos/pensionistas.

 

Vale News PB

Fonte: Folha do Vale