Prefeito prepara reforma administrativa e vai ouvir os vereadores da base de sustentação do seu governo

Prefeito prepara reforma administrativa e vai ouvir os vereadores da base de sustentação do seu governo

A reforma do secretariado municipal de João Pessoa virá acompanhado de forma conjunta, onde deverá ser incluído os vereadores da base do governo municipal na discussão, inclusive a participação dos suplentes. O prefeito Luciano Cartaxo (PSD) começou os entendimentos, mas não informou quando pretende deflagar a chamada "dança das cadeiras" entre os auxiliares do Paço Municipal.

Uma coisa é certa: os atuais vereadores que ocupam cargos na administração municipal, a exemplo de Marcos Vinícius (Comunicação), Pedro Alberto Coutinho (Instituto de Previdência) e Helton Rêne (Procon) é quem deverão se querem deixar os postos agora ou no prazo final de desincompatibilização conforme a legislação em vigor.

"A legislação obriga os vereadores retornarem para os seus mandatos até o final de março e vamos dialogar para ver a melhor alternativa, se antes do prazo determinado em lei ou agora na volta das atividades parlamentares", disse o prefeito Luciano Cartaxo.

Sobre a administração, Cartaxo disse que vai continuar adotando neste ano o plano de contenção de despesas, tendo admitido a possibilidade de adotar novas medidas no futuro. "Nós vamos fazer essa discussão com maturidade, nós tomamos medidas administrativas que consideramos importantes, os trabalhos legislativos só começarão no começo de fevereiro, e até lá, teremos tempo razoável para fazer essa avaliação”, ressaltou.

Falou do cumprimento das promessas assumidas para o pagamento do décimo quarto salário dos professores da rede municipal de ensino. "Nossa intenção é a melhoria da qualidade do ensino da rede municipal. Disso não abriremos mão nunca, enquanto estivermos a frente da gestão da cidade", concluiu.

 

 


Marcone Ferreira