Prefeito acusa vereador ex-aliado de traição e chantagem: ‘Pediu R$ 169 mil’

Prefeito acusa vereador ex-aliado de traição e chantagem: ‘Pediu R$ 169 mil’

Em contato com o Portal MaisPB, na tarde desta quinta-feira (21), o  prefeito da cidade de Guarabira e candidato à reeleição, Zenóbio Toscano (PSDB), acusou o presidente da Câmara de Vereadores, Inaldo Júnior (PTB), de lhe pedir R$ 169 mil para se manter aliado.

De acordo com Zenóbio, o dinheiro serviria para liquidar um empréstimo do parlamentar, mas, como não pôde atender o pleito, na tarde de ontem o petebista anunciou adesão a pré-candidatura de Fátima Paulino (PMDB), que o anunciou como vice na chapa peemedebista.

Zenóbio Toscano disse que de certa forma não chegou a ser surpresa o rompimento de Inaldo Júnior, uma vez que já havia a “boataria na cidade” de sua aproximação com a família Paulino.

Na manhã de hoje, o prefeito exonerou a esposa do parlamentar, Hellen Bernardes da Silva, que ocupava a Secretaria da Mulher do governo municipal.

 

 

 

 

Roberto Targino – MaisPB