Prefeita de Diamante paga R$ 7.810 mil/mensal com aluguel de carro de luxo enquanto servidores têm salários atrasados

 Prefeita de Diamante paga R$ 7.810 mil/mensal com aluguel de carro de luxo enquanto servidores têm salários atrasados
Enquanto os municípios sertanejos estão sofrendo, desde o ano passado, com os efeitos catastróficos da maior seca já registrada nos últimos cinquenta anos, sendo que em sua maioria com decretação de situação de emergência, onde estão sendo abastecidos por carros-pipa através da 'Operação Seca', nos deparamos com absurdos cometidos por gestores municipais sem um mínimo de bom senso com a coisa pública nem muito menos respeito com o dinheiro público.
Descalabro dessa natureza podemos encontrar no município de Diamante onde mesmo diante do universo de dificuldades do povo sertanejo, a jovem, mas arcaica, prefeita Marcília Mangueira (PMDB), que não sofre com a seca, mostra que gosta mesmo é de ostentar e usufruir uma situação pomposa "patrocinada" pelo sofrido e castigado povo diamantense. E olhe que os servidores já não sabem à quem recorrer diante do atraso em seus salários.
Pois bem, gastadeira como poucas, a prefeita paga com o dinheiro do povo mensalmente R$ 7.810,00 mil com a locação de um veículo Toyota Hilux SW4, ano 2011/2011, cor branca, destinado a ficar a disposição de seu gabinete. Do mês de março até setembro já foram pagos R$ 54.670,00 mil, sendo que o valor global empenhado é de R$ 62.480,00 mil, valor este que, em verdade, já estará quitado com o pagamento de outubro.
Pode até ser legal a prática, porém um comportamento imoral, pagar R$ 7.810,00 mensal pela locação de um veículo de luxo enquanto o povo passa fome e servidores estão com salários atrasados. E aí a pergunta: Não seria mais interessante adquirir um veículo para o município em vez de gastar na locação de um carro de luxo? O Ministério Público e a Câmara de Vereadores tem o dever e a obrigação de investigar tais práticas, ocorridas não somente em Diamante, mas em outros municípios, a exemplo, de Itaporanga. 
O dinheiro gasto com essa extravagância poderia muito bem estar sendo aplicado na qualidade de vida do povo, mas, não, simplesmente é gasto de forma supérflua na locação de carro para o luxo do prefeito ou da prefeita, como é o caso. "Uma cidade pobre como Diamante não pode se dar o luxo do seu gestor(a) estar debochando da população. Cadê que a prefeita faz isso com o seu dinheiro?", indagam moradores.