Polícia prende três homens suspeitos de tentativa de homicídio e roubo em cidades do Brejo e Sertão

Polícia prende três homens suspeitos de tentativa de homicídio e roubo em cidades do Brejo e Sertão

A Polícia Civil da Paraíba realizou, na manhã desta segunda-feira (9), três prisões em cumprimento a mandados de prisão preventiva expedidos pelo Poder Judiciário. As ações aconteceram na região do Brejo, no município de Alagoa Nova, e no Sertão do Estado, na cidade de Monte Horebe. Os presos são suspeitos de tentativa de homicídio e roubo.

Na área da 12ª Delegacia Seccional, com sede na cidade de Esperança, os policiais cumpriram dois mandados de prisão. O primeiro deles foi em desfavor de  Adriano dos Santos Gomes. Ele é suspeito de estar envolvido em três tentativas de homicídio na região do Brejo.  O outro mandado executado pelo Núcleo de Homicídios e o Grupo Tático Especial (GTE) da Seccional era em desfavor de Carlos Eduardo Francisco dos Santos. Ele é suspeito de crimes patrimoniais na região.

De acordo com o delegado da 12ª Seccional, Henry Fábio, as prisões ocorreram após a Polícia receber informações via o número 197 – Disque Denúncia da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Seds). “Conseguimos levantar todos os dados relatados pelo Disque Denúncia e iniciamos um trabalho investigativo, que terminou com êxito. Inclusive, Carlos Eduardo já era conhecido na região por fazer parte de um grupo especializado em assaltos a residências na zona rural de Alagoa Nova, causando medo na população. Ele agia com extrema violência, mas agora foi preso e responderá por seus crimes”, disse a autoridade policial.

Já na área da 17ª Delegacia Seccional, com sede na cidade de Itaporanga, os policiais deram cumprimento ao mandado de prisão preventiva contra José Claudino de Oliveira, de 29 anos. Ele é suspeito de envolvimento em uma tentativa de homicídio no ano de 2008, na região do Sertão do Estado, no município de Serra Grande.

José Claudino foi preso em casa, no sítio Pascoal, zona rural do município de Monte Horebe. Contra ele há um mandado de prisão preventiva expedido no último dia 3 de maio pela Justiça da comarca de Itaporanga.            De posse da ordem de prisão, os policiais civis descobriram onde o acusado estava residindo atualmente e efetuaram sua prisão. Ele foi encaminhado inicialmente para a delegacia de Itaporanga, onde prestou depoimento e, em seguida, foi levado para uma unidade prisional. 

 

 

 

 

 

Secom-PB