Polícia prende em flagrante trio suspeito de assassinar homem dentro de ônibus na rodoviária de Campina Grande

Polícia prende em flagrante trio suspeito de assassinar homem dentro de ônibus na rodoviária de Campina Grande

As Polícias Civil e Militar prenderam, neste sábado (19), três suspeitos de participar do assassinato de José Anselmo Cruz de Souza, de 19 anos, morto a tiros na tarde dessa sexta-feira, dentro de um ônibus interestadual, na Rodoviária Argemiro de Figueiredo, no bairro do Catolé, em Campina Grande.

Vamberto Pereira de Sousa, de 28 anos, e Robson Félix Ferreira, 18, foram presos durante a manhã por policiais da 3ª Companhia do 10º Batalhão, na cidade de Areia, através de informações repassadas pela delegada Maíra Roberta, da Delegacia de Homicídios de Campina Grande.

À tarde, depois de realizada qualificação e oitiva dos suspeitos, equipes de investigadores da delegacia especializada e da Delegacia de Areia prenderam Diego Cordeiro da Silva, 21. Ele foi abordado na localidade conhecida como 'Comunidade de Jussara', na cidade de Areia. 

Para o cabo José de Anchieta, à frente da equipe da Polícia Militar que participou da prisão, o trabalho policial foi possível por conta da integração das forças policiais. “Com as informações compartilhadas com a Polícia Civil, a PM foi ao conjunto do Fogo, em Areia, onde foi encontrado o Robson. Por meio dele chegamos ao segundo suspeito, Vamberto, que estava sentado na frente de casa”, explicou.

De acordo com a delegada Maíra Roberta, Vamberto confessou o homicídio e apontou o terceiro suspeito, Diego. Ainda segundo ela, o homicídio teria sido motivado por rivalidade de grupos, relacionada ao tráfico de drogas. “Houve um assassinato de um companheiro dos três suspeitos no fim do mês de agosto, em Areia, e eles atribuíram o fato à vitima, que também já era investigada pela Polícia”, afirmou.

 

 

 

 

Secom PB