Polícia não sabe ainda quem assassinou corretor de imóveis; mas já tem linha de investigação

Polícia não sabe ainda quem assassinou corretor de imóveis; mas já tem linha de investigação

Atualização - A Polícia ainda não sabe quem matou o corretor de imóveis Cláudio Arruda. Ele foi assassinado na tarde desta segunda-feira (25), no bairro do Rangel, em João Pessoa. A única pista é que ele trabalhava com agiotagem, conforme primeiras informações, que pode dar um norte para as investigações policiais para se chegar ao autor, ou autores, do crime. 

O corretor de imóveis, identificado por Cláudio Arruda foi assassinado na tarde desta segunda-feira (25), no bairro do Rangel, em João Pessoa. O crime aconteceu na Rua Romeu Rangel. 

De acordo com informações repassadas pela Polícia Militar, dois homens em uma moto chegaram ao local e atiraram contra a vítima. Baleado, o homem entrou numa oficina de bicicletas, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

 

 

 

 

 

Paraíba.com.br