Polícia Militar e Oficial de Justiça cumprem reintegração de posse de 15 casas populares em Piancó

Polícia Militar e Oficial de Justiça cumprem reintegração de posse de 15 casas populares em Piancó

A juíza da Comarca de Piancó, Drª Izabele Joseane Assunção, concedeu Mandado de Reintegração de posse de 15 casas populares, ainda em fase de acabamento, em favor da CEHAP - Companhia Estadual de Habitação Popular. As casas, em fase de construção, que ficam localizadas às margens de BR 361, na cidade de Piancó, haviam sido invadidas por 15 famílias “sem teto”, há cerca de 30 dias.

Um Oficial de Justiça, 15 Policiais Militares, além da advogada da CEHAP, Drª. Andressa Rélica, deslocaram-se para o local, com o objetivo de cumprirem o Mandado judicial.

Segundo a advogada, as pessoas têm direito á moradia, no entanto, é necessário que as famílias se inscrevam, de forma legal, nos programas de habitação. Ela citou o programa “Minha casa, minha vida”, como uma alternativa e referência. Para a doutora, as famílias ocupam as casas de forma irregular e precisam se adequarem aos programas de habitação oferecidos pelos governos estadual e federal.

Revoltado, João Inácio, que representa uma das famílias “Sem Teto”, disse essas casas pertenciam a famílias com mais de uma residência. Segundo ele, é injusto pessoas com mais de uma casa, enquanto existem famílias inteiras jogadas, sem direito a habitação.

Embora revoltadas, as famílias não ameaçaram resistência ao Mandado Judicial. No entanto, elas prometeram invadir o Parque de Exposição, pois não têm para onde ir. Segundo uma mãe de família, logo após a instalação no Parque de Exposição, as famílias vão ocupar a frente da casa do prefeito municipal, Sales Lima, que seria o responsável pelo sofrimento daquelas famílias, conforme frisou a senhora, com os olhos cheios de lágrimas.

As quinze famílias são compostas por adultos e crianças, muitas delas de colo, todas em “estado de choque” com a ordem judicial. O cenário no momento do cumprimento da ordem judicial, era de total desespero por parte das famílias

Reportagem: Vale News PB/ Vale do Piancó Notícias