PF recupera R$ 100,7 milhões cortados do Orçamento 2016

PF recupera R$ 100,7 milhões cortados do Orçamento 2016

A Polícia Federal recuperou nesta quinta-feira (18) R$100,7 milhões que haviam sido cortados do órgão no orçamento de 2016. A recomposição foi registrada na portaria de número 43, do Ministério do Planejamento. O valor havia sido cortado durante os debates ocorridos na tramitação do Projeto de Lei Orçamentária no Congresso Nacional no ano passado.

A recuperação do orçamento integral, o mesmo proposto inicialmente à PF, é resultado do trabalho do diretor do órgão, Leandro Daiello, em conjunto com o Ministério da Justiça. Segundo a Polícia, com a garantia deste montante, os investimentos e o ritmo das atividades operacionais estão garantidos.

A recomposição do orçamento da Polícia Federal foi tarefa difícil porque, com a queda forte de arrecadação e o aumento do déficit público, o governo têm sido obrigado a cortar em todas as áreas. Revela, portanto, a força da PF mesmo no meio da crise fiscal, já que será o segundo ano consecutivo em que o órgão não será afetado pela restrição orçamentária.

“Evitamos bilhões em prejuízo aos cofres públicos todos os anos. Isso só é possível com investimento em inteligência e capacitação dos nossos policiais”, afirmou Daiello. Atualmente, a Polícia Federal está empenhada em operações como a Lava Jato, a Zelotes e a Acrônimo, entre outras.

 

 

 

G1