PF deflagra operação internacional contra pornografia infantil

PF deflagra operação internacional contra pornografia infantil

A Polícia Federal (PF) deflagrou na madrugada desta quarta-feira (29) a Operação "Infância Segura II”. São cumpridos 40 mandados de busca e apreensão em 27 diferentes cidades brasileiras a fim de combater a pornografia infantil na internet. A operação é conduzida pela Delegacia da Polícia Federal em Uberlândia. Segundo a polícia, todos os 40 mandados foram cumpridos e oito pessoas presas em flagrante por estarem com material pornográfico infantil. As prisões foram em Montes Claros (MG), Araraquara (SP), Guaíra (PR), João Pessoa (PB), São Luiz (MA), Vitória (ES), Paragominas (PA) e Porto Alegre (RS). 

 

Segundo o delegado Carlos Henrique Cotta D'Ângelo, além do Brasil, a operação também ocorre no exterior. O delegado também afirmou que o foco das apreensões não é na cidade do Triângulo Mineiro. “Uberlândia e região não tinham alvos específicos dessa operação. Não teve nenhuma pessoa presa na cidade”, disse.

Carlos D'Ângelo ressaltou que a operação foi conduzida por Uberlândia, pois há alguns meses a PF da cidade investigou um crime e chegou nessa rede de pornografia infantil.

Uma pessoa de Uberlândia, que já está presa há seis meses, cooperou com a polícia para desarticular um grupo secreto que utilizava um aplicativo de compartilhamento de dados para trocar imagens de pornografia infantil entre os membros.

A PF informou que em diante dos dados trafegados serem criptografados, os membros se sentiam a vontade para cometer os crimes, uma vez que o administrador do aplicativo não poderia bloquear o conteúdo ilícito, nem notificar as autoridades, conforme determina a legislação. “Quem está compilando os dados é o pessoal de Brasília. Cada cidade cumpre uma demanda e a Justiça já contactou cada região, onde tem mandados de busca e apreensão para que os presos sejam julgados nas respectivas comarcas”, concluiu o delegado.


 

G1