Pesquisa Vox Populi: maioria da população acredita em Lula

Pesquisa Vox Populi: maioria da população acredita em Lula

  O Instituto Vox Populi foi o primeiro a medir o impacto da operação deflagrada pelo juiz Sergio Moro contra o ex-presidente Lula nesta sexta-feira.

Com mais de 15 mil questionários válidos, a pesquisa realizada pela internet aponta que o efeito foi contrário ao desejado pela Globo e pelos demais meios de comunicação engajados na destruição de Lula.

Nada menos que 56% desaprovaram a inclusão de Lula na Lava Jato e 43% desaprovaram a conduta de Moro (mais do que os 34% que aprovam).

Além disso, 65% viram exagero na condução coercitiva e 57% disseram acreditar na palavra de Lula.

Para completar no dia de ontem, nada menos que 63% dos entrevistados disseram ter visto a entrevista de Lula na sede do PT. Os dados mostram que ainda não mataram o "jararaca".

Confira, abaixo, alguns resultados:

Resultado com 15 mil questionários válidos:

1) Qual o seu sentimento em relação ao fato de que o ex-presidente Lula foi incluído na investigação da Lava Jato?

Gostei, eu aprovo 41%

Não gostei, não aprovo 56%

Não sei responder 3%

2) Qual a avaliação que você faz do trabalho do juiz Moro nesse processo da Lava Jato?

Aprovo, ele está fazendo um excelente trabalho 34%

Aprovo, mas ele tem exagerado em algumas medidas 22%

Desaprovo 43%

Não sei responder 1%

3) Com qual das frases você se identifica mais?

Não vejo problema algum na forma como foi feita a condução do Lula para depor na Polícia Federal 34%

ou

Achei um exagero a forma como o ex-presidente Lula foi levado a depor pelos agentes da Polícia Federal 65%

Não sei responder 1%

4)Você acredita na inocência do ex-presidente Lula?

Sim, acredito nele 57%

Nao, ele é culpado 34%

Não sei responder 8%

5) Depois que o ex-presidente depôs na Policia Federal ele concedeu uma entrevista coletiva na sede do PT em São Paulo que foi transmitida pela televisão. Você assistiu à entrevista dele?

Sim, assisti tudo 63%

Sim, assisti partes da entrevista 25%

Não, mas fiquei sabendo 11%

Não, estou sabendo disso agora 1%

 

 

 

 

Brasil 247