Pesquisa aponta que 23% dos empresários do país têm Eduardo Campos como candidato preferido

 Pesquisa aponta que 23% dos empresários do país têm Eduardo Campos como candidato preferido

Não é novidade que o senador do PSDB Aécio Neves é o pré-candidato à presidência da República que mais agrada o empresariado brasileiros. E uma pesquisa da consultoria Betania Tanure Associados quantificou a preferência: 68% de CEOs ou presidentes de conselho escolheriam Aécio para presidente.

Mas um dado chamou mais atenção, e foi o crescimento de Eduardo Campos, que tem despertado mais simpatia no PIB brasileiro hoje que no passado. Em maio de 2013, só 11% dos entrevistados diziam que Campos era o seu candidato preferido. Hoje, 23% deles declaram preferir Campos, embora só 8% do total apostem em uma vitória do candidato do PSB.

A amostra é de 528 executivos das 1000 maiores empresas do país. O resultado é muito semelhante ao da pesquisa feita um ano atrás pela mesma consultoria. O que mudou substancialmente foi a aposta em quem deverá ser eleito.

Em 2013, dois terços diziam apoiar o candidato tucano, mas apenas 22% achavam que ele iria ganhar. Hoje, 39% dos entrevistados acham que Aécio Neves será eleito presidente da República. O favoritismo de Dilma caiu de 68% para 48%. Esses números são especialmente relevantes visto que o PSDB fará a sua convenção nacional no dia 14 de junho, anunciando os nomes da coordenação financeira da campanha e dando início oficial à busca por doações de empresários

 

Da Redação com Exame