Pelé tem alta hospitalar após cirurgia na coluna

Pelé tem alta hospitalar após cirurgia na coluna

O ex-jogador Pelé, de 74 anos, teve alta hospitalar na tarde desta segunda-feira (20). Ele estava internado no Hospital Israelita Albert Einstein, no Morumbi, na Zona Sul de São Paulo, desde 13 de julho. Segundo boletim médico, Edson Arantes do Nascimento foi internado passou por uma cirurgia na coluna lombar para "descompressão de raiz nervosa" na terça-feira (14).

A cirurgia foi necessária para corrigir um problema que estava dificultando o movimento das duas pernas, segundo informou o SPTV. O ex-atleta tinha dificuldade até para caminhar porque os nervos responsáveis pelo movimento dos membros inferiores estavam sendo pressionados.

O procedimento já estava programado e o pós-operatório ocorreu dentro do esperado, ainda de acordo com o hospital. Segundo a assessoria do centro médico, ele deixou o Albert Einstein às 16h.

 

Cirurgias anteriores
O jogador passou por intervenções cirúrgicas nos últimos anos no mesmo hospital. Em 2012, Pelé passou por uma cirurgia no quadril. Neste procedimento, foi retirada uma parte do osso e colocada no lugar uma prótese de titânio e cerâmica. Na época, ele se queixava de dores constantes no quadril, ao jogar tênis e até quando caminhava.

 

Em novembro 2014, ele foi operado para a retirada de cálculos renais. Pelé foi para o hospital na capital paulista em 12 de novembro após se queixar de dores. Os exames mostraram a que ele tinha cálculos renais, ureterais e vesicais, o que causa obstrução ao fluxo urinário.

Em maio de 2015, Pelé foi internado por causa de uma hiperplasia na próstata - condição que faz o paciente reter muita urina aumentando a chance de infecção urinária, e passou por uma cirurgia. Na época, o hospital informou que o resultado dos exames revelou tratar-se de uma hiperplasia benigna e não tinha a incidência de tumores. A hiperplasia na próstata é um problema que atinge grande parte dos homens a partir dos 50 anos.

 

Prevenção pode evitar cirurgias na coluna
O ortopedista Alexandre Fogaça, que participou do programa Bem Estar nesta segunda, deu algumas dicas para evitar futuros problemas na coluna.

 

Segundo ele, é preciso manter uma boa postura, um peso adequado e fazer atividade física de modo regular. “Com esses hábitos a gente consegue garantir uma saúde para a coluna”, explica o especialista.

 

 

 

G1