Pedido de vista suspende julgamento de ação contra Ricardo Coutinho no TRE

Pedido de vista suspende julgamento de ação contra Ricardo Coutinho no TRE

Após pedido de vistas, o julgamento de Ação de Investigação Judicial Eleitoral contra o mandato do governador Ricardo Coutinho foi adiado no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba.

Na chamada Aije Fiscal, Ricardo Coutinho foi apontado pela coligação ‘A Vontade do Povo’, que teve como candidato o senador Cássio Cunha Lima, de conceder benefícios em ano eleitoral como a isenção de IPVA para motocicletas e automóveis e a renúncia de ICMS.

No inicio do julgamento, o representante do Ministério Público e o relator da matéria, juiz Tércio Chaves de Moura, deram parecer pela improcedência das acusações contra o socialista.   O voto do relator foi seguido  pelos juízes Silvio Porto e Breno Wanderley.

Os juízes entenderam entenderam que não houve o uso da da máquina pública em favor da reeleição de Ricardo Coutinho.

No entanto, o juiz Leandro dos Santos pediu vistas e adiou a conclusão do julgamento para após o Carnaval.

Ainda na sessão de hoje no TRE a Corte julga outra ação contra o mandato do socialista.

 

 

 

 

MaisPB