Pastores evangélicos são presos acusados de pedofilia

Pastores evangélicos são presos acusados de pedofilia

Uma dupla de pastor evangélico foi presa na noite de ontem (10) acusada de pedofilia e estupro de vulnerável. De acordo com a polícia, os ‘crentes’ teriam pagado a um adolescente e uma criança (16 e de 11 anos) para manter relação sexual com eles. O crime aconteceu na cidade de Montadas, no Agreste paraibano, onde os dois foram presos.

As vítimas revelaram que recebiam entre R$20 e RS40 reais para manter relações sexuais com a dupla.

A denúncia foi feita pelos pais garotos ao Conselho Tutelar. O delegado seccional da Polícia Civil em Esperança, Malon Cassimiro, informou que a primeira vítima dos pastores teria sido um jovem de 16 anos, que relatou ter recebido dinheiro para praticar sexo oral com um deles.

Ainda, de acordo com o delegado, os pastores ainda reuniram famílias que frequentam a igreja para pedir perdão pelos abusos.

Os suspeitos foram detidos e encaminhados para a Cadeia Pública na cidade de Esperança e estão à disposição da justiça.

 

 

 

Click PB