Pai confessa estupro da filha de nove anos e diz que a culpa é da criança

Pai confessa estupro da filha de nove anos e diz que a culpa é da criança

Um homem foi detido para averiguação, acusado de abusar da própria filha, por volta das 23h30 da quarta-feira (13), na Vila Yolanda II, no distrito da Cidade Tiradentes, zona leste de São Paulo.

Ademar Rosa de Sá, que há alguns anos teria sofrido de um acidente vascular cerebral, era aposentado por invalidez e, por conta disso, ficava em casa com a filha enquanto a mulher trabalhava.

De acordo com dois guardas civis, que foram chamados pelos tios da vítima, de nove anos, teriam revelado que o pai abusava dela enquanto estavam sozinhos. A mãe, que gravou a conversa com a menina, teria imediatamente buscado a ajuda da irmã e do cunhado para denunciar o caso.

 Os tios da menina foram até a base da Guarda Civil Municipal de Guaianases, que prontamente se deslocou até a residência da família. De imediato, o homem negou a acusação, porém depois confessou os abusos, alegando que a criança era a culpada por seduzi-lo.

Os guardas municipais que atendiam a ocorrência detiveram o homem para averiguação e o conduziram, juntamente dos familiares e da vítima, ao 53° Distrito Policial, do Parque do Carmo.

No entanto, somente depois das 5h desta quinta-feira (14) que a delegada responsável afirmou que não poderia dar andamento ao caso, uma vez que área em que os fatos se sucederam não era parte de sua jurisdição. As partes estão sendo ouvidas, neste momento, no 49° Distrito Policial, de São Mateus, onde o caso deverá ser registrado.

 

 

 

 

R7