No Vale, cúpula da segurança, prefeito, juiz e promotor planeja estratégias para o carnaval

No Vale, cúpula da segurança, prefeito, juiz e promotor planeja estratégias para o carnaval

O juiz Antonio Eugênio Leite Ferreira Neto, o promotor de justiça Reinaldo Serpa, o Comandante do 13º Batalhão de Polícia Militar Major Guedes, o Superintendente da Polícia Civil no Vale delegado Joaes Marques, o tenente Gilberto do Corpo de Bombeiros . Além do prefeito de Itaporanga Audiberg Alves, representantes dos prefeitos de Conceição e Ibiara e a coordenadora do SAMU regional Edna Ventura. Estiveram reunidos na tarde desta quinta-feira(06) traçando planos para segurança do carnaval no Vale.

Durante a reunião, o juiz Antonio Eugênio da Comarca de Conceição e o promotor de justiça Reinaldo Serpa debateram com os policiais, bombeiros, representantes de prefeitos e o prefeito de Itaporanga, decidiram que, será montada uma força tarefa e todos deverão trabalhar em conjunto para combater a violência.

O combate às drogas, o porte ilegal de armas, motoristas com sintomas de embriaguez, menores com bebidas e paredões de som foi o alvo das discussões e será aplicada tolerância zero. Os clubes particulares também deverão ser fiscalizados.

A polícia militar vai disponibilizar 182 homens e 40 viaturas durante o carnaval.  Segundo Major Guedes haverá blitz em vários locais das cidades e por toda região, além da presença ostensiva da PM. Além de outras estratégias de segurança, que o comandante preferiu não revelar.

A polícia civil abrirá um polo e deixará um delegado de plantão na cidade de Itaporanga. E, todas as delegacias ficarão abertas para atender as ocorrências, 25 homens vão trabalhar no período.

O corpo de bombeiros vai intensificar o trabalho nos balneários e inspeção nos palcos, aonde ocorrerão os eventos carnavalescos. Uma lancha, uma viatura e oito homens deverão realizar o trabalho. O SAMU vai deixar viaturas e equipes médicas de plantão nos locais da folia.

Vale News PB