No retorno, Anderson Silva promete fazer "melhor luta da história do UFC"

No retorno, Anderson Silva promete fazer "melhor luta da história do UFC"

Anderson Silva não está tratando seu retorno ao octógono, após 13 meses parado por conta de uma fratura na perna esquerda, como uma luta qualquer. Longe disso. O Spider, que passou a semana aparentando muita tranquilidade e confiança, só foi um pouco mais ensaboado em alguns momentos quando esteve frente a frente com a imprensa, optando por dar respostas curtas. Mas falou o suficiente para deixar claro o que espera fazer no sábado à noite, diante de americano Nick Diaz, no UFC 183.

- Vai ser uma boa luta. Vai ser a melhor luta da história do UFC. Nick luta bem em pé, tem bom boxe e jiu-jítsu. Eu sou bom no muay thai, tenho bom jiu-jítsu. Acho que é uma boa luta.

Muitos estavam certos de que Anderson Silva jamais pisaria novamente no octógono, mas a previsão deles não se concretizou, afinal, o ex-campeão voltará à ação neste sábado. Para isso, ele precisou superar muitos obstáculos no caminho.

- Eu acho que é ir lá e fazer o que tem que fazer. Superação é algo que tem que ser feito o tempo todo. Eu estou sempre me superando e acredito que vai ser um grande espetáculo, uma grande luta para a história do UFC.

Por falar em obstáculo, outro grande nome do MMA na atualidade e que está passando por momento difícil é Jon Jones. Tornou-se público recentemente o envolvimento do campeão dos meio-pesados com cocaína, o que lhe causou muitas críticas. Anderson deu apoio ao amigo.

- O Jon Jones é um amigo pessoal. Eu acho que ele está passando por uma fase difícil, mas todo mundo tem fases difíceis,né? E ele tem todo o meu apoio, gosto muito dele, tenho um carinho muito grande por ele e por toda a família. Daqui a pouco ele está de volta. Acho que isso serviu para que entendesse algumas coisas também e aprendesse. Ele é novo, a gente tem que respeitá-lo por tudo o que fez. Todo mundo comete erros, e quem nunca cometeu um erro que atire a primeira pedra.

Com Anderson Silva x Nick Diaz na luta principal, o UFC 183 ocorre neste sábado e terá transmissão ao vivo do Combate a partir de 21h30 (de Brasília). O Combate.com fará o acompanhamento de todos os detalhes em Tempo Real, incluindo programa especial ao vivo sobre a volta de Spider com a participação dos lutadores convidados Vitor Miranda e Elias Theodorou e do treinador Sérgio Cunha.

UFC 183
31 de janeiro de 2015, em Las Vegas (EUA)
CARD PRINCIPAL
Peso-médio: Anderson Silva x Nick Diaz
Peso-meio-médio: Tyron Woodley x Kelvin Gastelum
Peso-leve: Joe Lauzon x Al Iaquinta
Peso-médio: Thales Leites x Tim Boetsch
Peso-meio-médio: Jordan Mein x Thiago Alves
CARD PRELIMINAR
Peso-galo: Miesha Tate x Sara McMann
Peso-médio: Ed Herman x Derek Brunson
Peso-mosca: Ian McCall x John Lineker
Peso-médio: Rafael Sapo x Tom Watson
Peso-pena: Diego Brandão x Jimy Hettes
Peso-médio: Rick Monstro x Ildemar Marajó
Peso-médio: Thiago Marreta x Andy Enz

 

 

 

Globoesporte