Mulher é executada com dois tiros na cabeça em Mandacaru e com ela polícia encontra 4 pedras de crack

Mulher é executada com dois tiros na cabeça em Mandacaru e com ela polícia encontra 4 pedras de crack

A polícia trabalha com  a hipótese de ‘acerto de contas’ relacionado com o tráfico de drogas para explicar o assassinato de  Daniele Araújo Pontes, de apenas 21 anos de idade. Ela foi executada a tiros no final da noite desta terça-feira (15) no bairro de Mandacaru, em João Pessoa.

De acordo com a polícia, a mulher caminhava por uma rua nas proximidades de um campo de futebol quando foi alvejada com dois disparos na cabeça e morreu no local.

A Polícia Militar foi acionada e durante as investigações descobriu que a mulher, poucos minutos antes de ser assassinada, foi vista com um homem numa motocicleta.

Durante a perícia, foram encontradas quatro pedras de crack com a vítima o que reforça a hipótese de que o crime tem relação com o tráfico de drogas.

 


Paulo Cosme\David Martins