Mulher é executada após carona em Alhandra

Mulher é executada após carona em Alhandra

O corpo da jovem Gleiciane Sousa Dias, 18 anos, foi encontrado no final da tarde desta segunda-feira (20), na cidade de Alhandra, Litoral Sul da Paraíba.

A vítima estava na companhia de uma amiga em uma festa na noite do domingo (19), em Pitimbu, quando dois homens de motos ofereceram carona as duas.

No meio do caminho, as mulheres teriam sido avisadas que seriam executadas.

Uma delas conseguiu fugir por um canavial e andou cerca de nove quilômetros até a cidade de Alhandra para pedir ajuda.

Gleiciane, que era moradora de Caaporã, não teve a mesma sorte e morreu após ser atingida com várias perfurações de balas na cabeça e pelo corpo.

A polícia ouviu a sobrevivente para chegar até os autores do assassinato. A testemunha do crime está sob proteção policial.

Há informações que outras pessoas já foram levadas à Delegacia de Polícia de Alhandra para serem ouvidas.

 

 

 

 

MaisPB